Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS Janeiro/21 juizado de transito
Geral

Cheia no rio Paraguai preocupa porto-murtinhenses

04 maio 2011 - 08h20Toninho Muniz

O rio Paraguai em Porto Murtinho chegou ontem a 6.12 metros, nível medido pela Agência Fluvial unidade da Marinha do Brasil no município. Com a subida do nível começa a preocupar os moradores ribeirinhos, alguns lugares mais baixos as águas do rio já inundou as residências e algumas famílias se mudaram para região mais alta.

De acordo com comandante da Agencia Fluvial, capitão tenente Noel Calandrine Leal, a causa da cheia já é visível na Isla Margarita, uma ilha localizada em frente à cidade de Murtinho que pertence ao Paraguai.

A ilha está localizada no lugar mais baixo do Pantanal e reside aproximadamente 150 famílias. Quando o nível do rio chega a seis e meio metros inunda quase toda a região, por esse motivo os moradores constroem suas casas sobre lajes e madeiras.

O capitão explica que em relação aos últimos dois anos, em que o nível era de 5.50 m está um pouco acima, mas que mesmo assim é considerado normal. “Para o período está regular. A partir de 7.20 m que é considerado regime de alerta".

Porto Murtinho na década de 80 sofreu as piores enchentes provocadas pelas águas do rio Paraguai, em 1979, 80 e 82, as águas desalojaram toda a população urbana e deu prejuízo incalculável aos moradores e ao setor público.

Depois dessas três cheias se cogitou mudar a cidade para o lugar mais alto, a sete quilômetros do atual perímetro urbano, a população na sua maioria absoluta rejeitou essa idéia através de plebiscito e a partir daí se elaborou projeto de construir uma barragem para conter as cheias.

Após a construção do dique de proteção contra as cheias do rio, Murtinho já registrou a maior cheia do século passado, em 1988, nesse ano o rio teve o pico máximo de 9.89 m, bem acima do registrado em 1979, 80 e 82, as águas ficou um metro e meio acima da barranca e o dique suportou com tranqüilidade e segurança, quer dizer o dique já foi testado por uma grande cheia, agora só falta cuidar da manutenção para que não ofereça nenhum risco à população.

Conforme o Serviço de Meteorologia controlada pela Agencia Fluvial em Murtinho a causa da subida do nível do rio nesses últimos dias foi provocada pela precipitação que desaguou na região, segundo a Marinha, choveu 100 milímetros em dois dias em toda a região pantaneira, desde a região da Baía Negra, região norte do Paraguai até a região de Concepcion, também no país vizinho.

O comandante diz que o nível máximo que deve ser registrada em Murtinho é de sete metros. Com essa altura a cidade de Murtinho e sua população podem ficar tranquilas, mesmo porque com essa medida o rio não sai da sua calha.

A previsão de cheia para este ano era maior em toda extensão do rio, por conta do alto índice pluviométrico registrado nos afluentes. Em Corumbá, a Embrapa Pantanal divulgou que o rio Paraguai pode ter em 2011 a maior cheia desde 1995.

Com informações do Campo Grande News.

senar janeiro21

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Energisa e Marinha inauguram centro para capacitação de militares
Geral
Vídeo: Gato 'bate' em criança para ela não subir na janela
Geral
Estudante brasileira de 16 anos descobre asteroide durante pesquisa
Geral
AO VIVO: Posse do novo presidente do TJ, Carlos Contar
Geral
Prefeitura convoca motoristas aprovados em processo seletivo de 2019
Geral
Caso Flordelis: filha admite participação em crime e revela assédios do pastor
Geral
Galinhada beneficente pode ajudar a tratar câncer de útero de Verônica
Geral
Com 25 anos, secretária de saúde de Sonora fura fila da vacina
Geral
Vizinho reclama da falta de poda e sujeira no Instituto Arara Azul
Geral
Encceja prorroga prazo de inscrições até dia 25 de janeiro

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio