Menu
Busca terça, 23 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Deputados trocam trabalho por solenidade

16 junho 2010 - 18h45Midiamax.com.br

Na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, os deputados estaduais não terão sessão ordinária na manhã desta quinta-feira, dia 17. Os trabalhos foram substituídos por uma sessão solene em homenagem à Semana da Cultura Japonesa, a partir das 8h30. O autor do requerimento para a realização da solenidade é o deputado estadual Akira Otsubo, líder do PMDB na Casa de Leis.

A troca de sessões ordinárias nas quais se votam projetos de lei e se debatem assuntos de interesse da sociedade por solenidades e eventos festivos está proibido pelo regimento interno da Casa de Leis. Contudo, tal proibição não impediu que os deputados aprovassem, em plenário, o requerimento para a realização da solenidade no horário da sessão ordinária.

Autor da emenda que modificou o regimento para impedir a troca de sessões ordinárias por solene, o deputado estadual Paulo Duarte (PT) reclamou hoje à Mesa Diretora. “Seria melhor ficar no regimento antigo ou não ter feito alteração alguma, porque mesmo com a proibição o plenário aprovou”, cobrou.

O deputado estadual Pedro Kemp (PT) que presidia a sessão plenária de hoje concordou com a observação de Duarte. Mas disse que como o requerimento já havia sido aprovado não convinha mais cancelar a solenidade.

Kemp que é vice-presidente da Assembleia informou ainda que comunicará o presidente da Casa de Leis, deputado Jerson Domingos (PMDB), para que o fato não se repita mais, ou seja, não seja votados requerimentos para sessões solenes em horário de sessão ordinária.

A própria votação do requerimento, aliás, gerou controvérsias. O deputado Akira garantiu ainda em maio que o documento fora aprovado por unanimidade no plenário da Casa. Ocorre que enquete feita pelo Midiamax não encontrou nenhum deputado que admitisse ter aprovado tal requerimento em plenário, o que levantou suspeitas de que os parlamentares tivessem votado o requerimento sem que soubessem o que estavam fazendo.

 

Roberto Carlos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Guarda Municipal faz alerta sobre riscos do uso de cerol nas pipas
Geral
ABO-MS: Nova clínica é sinônimo de modernidade
Geral
Escola Virgílio Alves arrecada mais de 10 mil agasalhos e ganha reforma
Geral
Encontro inédito de transportadoras de MS reúne mais de 20 empresas do setor
Geral
Procon-MS autua Lojas Americanas por divergência de preços
Geral
Tailândia quer investir no ecoturismo e agronegócio de MS
Geral
Pré-contrato de compra da UFN3 deverá ser assinado em agosto
Geral
CAU-MS faz nota contra PEC que extingue conselhos
Geral
Incêndio florestal fere 32 pessoas
Geral
PDV pode custar R$ 9 milhões ao estado

Mais Lidas

Justiça
Por unanimidade, Soraya perde ação na Justiça para suplente
Economia
Abono salarial começa a ser pago na quinta-feira; confira calendário
Geral
Homem chega ao sítio do pai e comete suicídio
Polícia
Pai arrecada R$ 1 mi para tratamento do filho e foge com valor