Menu
Busca sexta, 22 de março de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Engenheiros que atestaram estabilidade de barragem são presos

Além dos engenheiros, três funcionários da Vale também foram detidos

29 janeiro 2019 - 08h36Da redação com informações da Agência Brasil

Dois engenheiros que atestaram a estabilidade do empreendimento foram presos e três funcionários da Vale diretamente envolvidos e responsáveis pelo licenciamento da barragem que se rompeu em Brumadinho também foram presos nesta terça-feira (29) durante operação envolvendo o Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG), o Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF).

A operação visa o cumprimento de sete mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária para apurar responsabilidade criminal pelo rompimento da barragem da mineradora no município mineiro.

Dos cinco alvos da operação, dois tinham domicílio em São Paulo e os demais residem na região metropolitana de Belo Horizonte. A prisão foi decretada pelo prazo de 30 dias e todos os presos serão ouvidos pelo MP-MG. Os documentos e provas apreendidas também serão encaminhados ao Ministério Público para análise.

O MPF, por meio da Procuradoria da República em Minas Gerais, e a PF, por meio da Delegacia de Meio Ambiente e Patrimônio Histórico, cumpriram simultaneamente os cinco mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal em Belo Horizonte. As ordens foram cumpridas na sede da Vale, em Nova Lima (MG), e em uma empresa sediada em São Paulo que prestou serviços de projetos e consultoria na área das barragens. Também foram alvo das medidas pessoas ligadas a essa empresa.

Nas diligências, houve a participação de procuradores da República lotados em Minas Gerais e São Paulo, de policiais federais e de peritos das áreas de informática, mineração e geologia. “Os órgãos de investigação têm trabalhado de forma concatenada para apuração dos graves crimes relacionados com o rompimento da barragem, sendo que as investigações se encontram em andamento”, informou o MPMG.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mulher compra linguiça e encontra surpresa desagradável
Geral
“Queremos respeitar a coletividade”, diz vereador sobre proibição do narguilé
Geral
Facebook expôs milhares de senhas de usuários à funcionários
Geral
Dois jacarés são capturados em área urbana de Coxim
Geral
Procon autua mercado por vender carne vencida, no Jardim Noroeste
Geral
Veja como se cadastrar para concorrer a sorteio de casas da Agehab
Cidade
“Vou entregar a cidade melhor do que peguei”, diz Marquinhos Trad
Geral
Duas vítimas do massacre em Suzano continuam internadas
Geral
Professores de MS fazem protesto contra reforma da Previdência
Geral
Artesãos são homenageados na Assembleia

Mais Lidas

Geral
"5º Costelão do Cotolengo Sul-Mato-Grossense" acontece em abril
Geral
Drogasil e Drogaria São Leopoldo são autuadas pelo Procon
Geral
Veja como se cadastrar para concorrer a sorteio de casas da Agehab
Oportunidade
Prefeitura abre concurso com salário de R$ 10 mil