Menu
Menu
Busca quinta, 13 de junho de 2024
Prefeitura Refis Junho24
Geral

Ex-goleiro Bruno deixa prisão após 6 anos com autorização do STF

25 fevereiro 2017 - 12h48Agência Brasil

O goleiro Bruno Fernandes, preso preventivamente desde agosto de 2010, já está em liberdade. Ele deixou no começo da noite dessa sexta-feira (24) a Associação de Proteção e Assistência ao Condenado de Santa Luzia, em Minas Gerais, após receber a notificação de soltura determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello.

Bruno estava acompanhado da mulher, a dentista Ingrid Calheiros, e dos seus advogados. Eles informaram que Bruno precisará indicar um endereço fixo como residência e não poderá se ausentar do local sem autorização do juízo e deverá ficar à disposição da Justiça. Segundo seu advogado Lúcio Adolfo, ele foi pego de surpresa com a decisão favorável e chorou bastante.

No habeas corpus concedido, o ministro Marco Aurélio Mello destacou que ele já soma seis anos e sete meses sem que tenha sido condenado em segunda instância, motivo pelo qual deve ser solto para que recorra em liberdade.

Quando foi preso, Bruno atuava no Flamengo e vivia bom momento na carreira. Um inquérito policial o apontou como principal suspeito de ter matado Eliza Samudio, com quem teve um relacionamento e um filho. Ela desapareceu em 2010, aos 25 anos, e foi considerada morta pela Justiça. Seu corpo nunca foi encontrado.

Em 2013, o Tribunal do Júri da Comarca de Contagem, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, condenou o ex-goleiro a 22 anos e três meses de prisão pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação de cadáver. Um amigo de Bruno, Luiz Henrique Romão, conhecido como Macarrão, também foi condenado.

 

Prisão preventiva

A prisão de condenados em segunda instância foi validada pelo STF no ano passado. No entanto, até o momento, o julgamento de Bruno ocorreu apenas em primeira instância. O ex-goleiro vem sendo mantido preso preventivamente. No pedido de habeas corpus, a sua defesa alegou demora de mais de três anos para que seu caso fosse apreciado na segunda instância.

De acordo com o Código do Processo Penal, a prisão preventiva deve atender aos princípios da proporcionalidade e necessidade, não tendo prazo de duração máxima. No entanto, uma proposta de reforma da lei já aprovada no Senado e tramitando na Câmara dos Deputados sugere estabelecer o limite em 360 dias. Se estas regras estivessem em vigor, Bruno não poderia ter ficado os seis anos e sete meses preso.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vereador Claudinho Serra
Interior
'Apressado' para ter acesso à delação, Claudinho Serra tem pedido negado pelo TJMS
Jamil Name Filho, também conhecido como
Justiça
Jamilzinho quer ser julgado por videoconferência no caso do 'Playboy da Mansão'
Caixa de som é encontrada funcionando após passar quase um mês submersa no RS
Geral
Caixa de som é encontrada funcionando após passar quase um mês submersa no RS
Ronni e seu filho Lúcifer Ashley
Geral
Inspirada em série da Netflix, mulher coloca o nome do filho de 'Lúcifer'
Viu o Vitor? Cãozinho de suporte emocional desapareceu no bairro Novos Estados
Geral
Viu o Vitor? Cãozinho de suporte emocional desapareceu no bairro Novos Estados
Em cerimônia, Defensoria de MS entrega novas certidões de nascimento à pessoas trans
Geral
Em cerimônia, Defensoria de MS entrega novas certidões de nascimento à pessoas trans
Cantor Nahim é encontrado morto, aos 71 anos, em sua residência
Geral
Cantor Nahim é encontrado morto, aos 71 anos, em sua residência
Lulu Santos remarca shows após ser diagnosticado com dengue
Geral
Lulu Santos remarca shows após ser diagnosticado com dengue
É do Mato Grosso do Sul: Ana Castela e Gabriel Sater vencem Prêmio da Música Brasileira
Geral
É do Mato Grosso do Sul: Ana Castela e Gabriel Sater vencem Prêmio da Música Brasileira
Secretária-adjunta de Governo, Ana Carolina Nardes, deputado Gerson Claro e a desembargadora Jaceguara Dantas
Geral
Campanha 'Ponto Final para o Feminicídio' recebe apoio da Assembleia Legislativa

Mais Lidas

Estátua em homenagem ao cantor João Carreiro
Comportamento
Vai ter estátua! Mesmo com polêmicas, 'Tributo a João Carreiro' acontece nesta quarta
Rua 14 de Julho
Geral
Abre e fecha de Santo Antônio: Confira o que funciona na Capital no feriado
Idoso tentou atravessar a pista e morreu atropelado
Polícia
JD1TV AGORA: Idoso morre atropelado ao atravessar fora da faixa na Av. Tamandaré
'Só coincidência': Apartamento de Azambuja, invadido e furtado, não era alvo direto
Polícia
'Só coincidência': Apartamento de Azambuja, invadido e furtado, não era alvo direto