Menu
Busca segunda, 03 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho

Ações vão beneficiar vítimas atendidas pela Casa da Mulher Brasileira

13 julho 2020 - 17h58Flávio Veras, com informações da assessoria

A Funsat (Fundação Social do Trabalho) em parceria com a Semu (Subsecretaria Municipal de Políticas para as Mulheres), programaram ações para atender e encaminhar ao mercado de trabalho. As mulheres vítimas de violência atendidas pela CMB (Casa da Mulher Brasileira).

Segundo a Funsat, na última sexta-feira, (10), o órgão recebeu as primeiras mulheres encaminhadas, o objetivo desta ação consiste em atender essas pessoas em caráter de urgência, cientes de que a situação requer meios que possibilitem autonomia às mesmas, ou seja, independência emocional e financeira.

Por meio das Coordenadorias de Intermediação de Emprego, Qualificação Profissional, Serviço Social e Proinc (Programa de Inclusão Profissional) a Funsat realizou um atendimento diferenciado e prioritário com entrevista qualificada e orientações pertinentes aos requisitos atualmente exigidos pelo mercado formal de trabalho.

Estas mulheres foram acolhidas pela equipe de Serviço Social, a qual realizou entrevista individual com objetivo de avaliar o perfil sócio econômico e curricular. Em seguida receberam orientações referentes à postura profissional, ética e a importância e necessidade da qualificação continuada.

A Funsat por meio do Proinc disponibilizará vagas mensalmente para que essas mulheres que se encontraram em situação de vulnerabilidade tenham liberdade financeira. A inserção no Programa vai proporcionar disponibilidade de tempo para buscarem com segurança e tranquilidade, um emprego formal.

Proinc

O Programa de Inclusão Profissional visa proporcionar ocupação, qualificação profissional e bolsa-auxílio para cidadãos que tenham de 18 a 70 anos, desempregados há pelo menos seis meses, sem carteira assinada e com renda bruta familiar de até um salário mínimo e meio, proporcionando oportunidade, geração de renda e inserção no mercado de trabalho.

Os trabalhadores do Proinc recebem um salário mínimo, vale-transporte, alimentação e cesta básica. É garantido um seguro de vida correspondente a 25 vezes o valor do salário mínimo para os casos de morte e até 50 vezes, em caso de invalidez e morte acidental. A Prefeitura também concede isenção de taxa de inscrições nos concursos realizados pela Prefeitura.

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Exames práticos de direção retornam nesta segunda
Geral
FGTS: Caixa credita saque emergencial para nascidos em junho
Geral
Coronavírus: "bagulho doido", diz Nego do Borel ao revelar já ter pego a doença
Geral
Lobo-guará, escolhido para a nota de R$ 200, sofre ameaça de extinção
Geral
Correios lançam selos comemorativos em data especial
Geral
Auxílio Emergencial: Veja atualização do calendário da 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª parcela
Geral
Duas apostas acertam os seis números da Mega-Sena
Geral
Temperatura deve ser aferida em todas unidades da Agepen
Geral
Azul retoma voos em Dourados a partir de segunda-feira
Geral
Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 23 mi neste sábado

Mais Lidas

Educação
Resultado do Fies sairá nesta terça-feira
Polícia
Por culto com cerca de 100 pessoas, igreja é notificada e pode ser lacrada
Saúde
MS tem 26.645 casos e 421 mortes por coronavírus
Saúde
AO VIVO - Estado atualiza casos de coronavírus