Menu
Menu
Busca terça, 23 de julho de 2024
Secovi - Julho24
Geral

Longen comemora devolução da 'MP do Fim do Mundo'

O impacto da medida nas contas do setor produtivo seria perto de R$ 30 bilhões, conforme projeções

14 junho 2024 - 13h29Sarah Chaves, com informações da FIEMS

Após o Congresso Nacional informar que devolverá a Medida Provisória que alterava regras tributárias ao Poder Executivo, iniciativa foi comemorada pelo presidente da Fiems, Sérgio Longen. Em entrevista à rádio CBN Campo Grande

O líder empresarial elogiou o empenho do Congresso Nacional e destacou a pressão exercida pelas entidades do setor produtivo. "Recebemos surpresos a ação criada pelo governo federal de mandar a MP sem negociar com ninguém. Algo que impacta a produção brasileira, tanto que foi considerada a 'MP do Fim do Mundo'. Foi algo muito difícil de receber, até porque aprovamos recentemente a reforma tributária, que precisa ser regulamentada e ajustada. Entendo que o governo federal precisa rever seus gastos. Se isso não acontecer, não existe imposto no mundo que cubra as despesas federais", disse Longen.

De acordo com projeções do setor industrial, caso a MP continuasse em vigor, o impacto nas contas do setor produtivo seria da ordem de R$ 30 bilhões já em 2024, e de até R$ 60 bilhões em 2025. O aumento da carga tributária seria repassado ao consumidor final, com potencial de repercutir nos índices de inflação.

Longen também reconheceu a ajuda da bancada federal sul-mato-grossense nas negociaçõe. "No caso da MP 1227, o trabalho da senadora Tereza Cristina foi gigante. Ela participou de reunião com o ministro Fernando Haddad e nos representou enquanto setor produtivo, demonstrando sua posição de maneira muito importante. Cada membro da nossa bancada pressionou seus líderes e o presidente de cada casa legislativa, o que permitiu que tivéssemos uma vitória", concluiu o presidente da Fiems.

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp e fique por dentro dos acontecimentos também pelo nosso grupo, acesse o convite.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Coca-Cola/Femsa
Geral
Coca-Cola oferta capacitação para empreendedoras do ramo de alimentos
Bora apostar? Mega-Sena sorteia R$ 61 milhões nesta terça-feira
Geral
Bora apostar? Mega-Sena sorteia R$ 61 milhões nesta terça-feira
Foto: Ilustrativa
Interior
MP investiga tráfego de canavieiros na BR-497 e ligação com acidentes em Paranaíba
Imortal Ana Maria Machado conduzirá palestra de julho na ASL
Geral
Imortal Ana Maria Machado conduzirá palestra de julho na ASL
Cabo da PMMS é condenado por realizar "bicos" durante licença médica
Justiça
Cabo da PMMS é condenado por realizar "bicos" durante licença médica
Foto: Divulgação Raia/Drogasil
Geral
Grupo de farmácias abre 12 vagas exclusivas para pessoas com deficiência em MS
TJ derruba decisão que barrava gastos de R$ 1,8 milhão para eventos em Anastácio
Interior
TJ derruba decisão que barrava gastos de R$ 1,8 milhão para eventos em Anastácio
Arma localizada que teria sido usada no tiroteio e na morte de Silas e Aysla
Justiça
Por risco à sociedade, TJ nega soltar motorista de App envolvido em morte de adolescentes
MS teve aumento de 55% nos abates bovinos em 2024, aponta Novilho Precoce
Economia
MS teve aumento de 55% nos abates bovinos em 2024, aponta Novilho Precoce
Aparecida Graciano de Souza é acusada de homicídio qualificado -
Justiça
Desembargadores decidem manter presa idosa acusada de esquartejar marido em MS

Mais Lidas

Sala de atendimento da DEPCA
Polícia
Adolescente é esfaqueado pela mãe e fica com as vísceras expostas na Capital
Kauã morreu horas após dar entrada no hospital
Polícia
Adolescente esfaqueado pela própria mãe morre em hospital de Campo Grande
Aeroportos, como o de Madri, na Espanha, foram os locais mais afetados com o apagão
Geral
Apagão cibernético 'para o mundo' e deixa bancos, aeroportos e serviços inoperantes
Joe Biden
Internacional
Joe Biden desiste da campanha à reeleição