Menu
Busca quarta, 22 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Geral

Maratoninha da Caixa leva 1,6 mil crianças e pai ao Parque Ayrton Sena

27 março 2011 - 14h45
O Parque Ayrton Sena, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, recebeu na manhã deste domingo 1,6 mil crianças que participaram da Maratoninha da Caixa, evento promovido pela Caixa Econômica Federal. Os pais dos participantes aprovaram a iniciativa que tem por objetivo incentivar à prática de esporte e promover a interação social. O engenheiro agrônomo Renato de Campos Almeida, 41 anos, acompanhava os dois filhos- menino de 11 anos e a menina de oito. Para ele, a participação em eventos como este incentiva a prática esportiva e também a competitividade. “Não só saber ganhar, mas também perder”, disse. Foi a segunda vez que os filhos dele participaram da Maratoninha da Caixa. A empregada doméstica Angélica Dias de Souza, 30 anos, inscreveu na corrida o filho de sete anos, a pedido dele, que se interessou pelo evento após ver o irmão mais velho correr no ano passado. O menino queria tanto participar que ficou ansioso na véspera. “Ele não conseguiu dormir direito”, contou a mãe. Um dos vencedores da corrida foi Cléber Espíndola, seis anos. Ele fala que gosta de brincadeiras que envolvam corrida. Ele correu descalço, porque, segundo ele, seu rendimento é melhor sem tênis. Cleber recebe bicicleta do superintendente da Caixa Econômica em MS, Paulo Antunes Siqueira. (Foto: Simão Nogueira) Ao se aproximar da faixa de chegada o menino parou de correr e começou a andar. Como estava distante dos outros participantes, garantiu a vitória e ganhou uma bicicleta. Ele também ganhou, assim como todos os outros participantes, camiseta, boné e um kit com frutas e água. Somente os vencedores das 45 baterias é que ganharam bicicletas. A competição foi dividida em quatro categorias: 6 a 8 anos; 9 a 10 anos; 11 e 12 anos e outra para cadeirantes, com participação de seis competidores. Incentivo-A competição é nacional e tem como incentivadores atletas “aposentados” que participam do projeto Heróis Olímpicos. Um deles é Cláudio Roberto de Souza, 38 anos. Padrinho da Maratoninha, ele declara que a disputa desperta o interesse das crianças para o esporte; melhora a interação com outras pessoas e também o desenvolvimento. O recado que ele deixa aos pais é que incentivem seus filhos na prática desportiva pois, além dos benefícios já citados, pode ser descoberto um talento que irá viver do esporte. Fonte: CG News
Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Você viu o Noah? Família procura por gato desaparecido há 60 dias
Geral
Homem alega ter moto danificada por empresa de limpeza em Campo Grande
Geral
Seis meses depois da morte do filho, Armando Anache morre aos 91 anos
Geral
Prefeitura de Campo Grande inicia campanha para inibir a doação de esmolas
Geral
Vídeo: "Peixe de bosteiro", morador de rua engana população de Paranaíba
Geral
Limites mais restritivos para poluentes atmosféricos são fixados pela OMS
Geral
Adolescente de 14 anos morre afogado em lago
Geral
Ministro Marcelo Queiroga testa positivo para Covid
Geral
Adolescentes de MS estão desaparecidas no Paraguai
Geral
Cruzamento da rua 13 de Maio, será fechado por dois dias para obras de drenagem

Mais Lidas

Polícia
Delegada de polícia negra é impedida de entrar em loja da Zara
Polícia
Vizinhos sentem mau cheiro e encontram idoso morto dentro de casa
Geral
Ciclista é atropelada por caminhão e arrastada por cinco metros na Enersto Geisel
Entrevista
Ex-governador André Puccinelli fala ao JD1