Menu
Menu
Busca quinta, 18 de julho de 2024
Secovi - Julho24
Geral

Nesta semana termina prazo para saque do abono 2016

O valor ainda disponível de R$ 1,3 bilhão é destinado a 1,8 milhão de trabalhadores

26 dezembro 2018 - 09h51Da redação Agência Brasil    atualizado em 26/12/2018 às 09h52

O prazo para o saque do Abono Salarial ano-base 2016 termina na próxima sexta-feira (28). Cerca de 7,5% dos trabalhadores com direito ao recurso ainda não sacaram o dinheiro, segundo a Agência Brasil. O valor ainda disponível de R$ 1,3 bilhão para 1,8 milhão de trabalhadores. Inicialmente, o prazo limite era 29 de junho, mas a prorrogação foi autorizada em julho por resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat).

Até o momento, já foram pagos R$ 16,7 bilhões para 22,7 mil trabalhadores. A região com maior percentual de beneficiários a receber o Abono 2016 é a Centro-Oeste, onde 11,63% das pessoas com direito ao recurso ainda não foram ao banco receber o benefício.

O estado com mais trabalhadores que ainda não retiraram o dinheiro é São Paulo. São 410,5 mil pessoas, ou 6,95% do total de beneficiários. O valor ainda disponível para esses trabalhadores é mais de R$ 297 milhões.

Já o Distrito Federal é a Unidade da Federação (UF) com maior número proporcional de beneficiários com direito ao saque que ainda não retiraram o valor. Na capital federal, 29,33% estão nessa situação. São 148,5 mil trabalhadores com R$ 110 milhões para retirar.

Tem direito ao abono salarial ano-base 2016 quem estava inscrito nos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há, pelo menos, cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2016 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e teve seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

A quantia a que cada trabalhador tem direito depende do tempo em que ele trabalhou formalmente em 2016. Quem esteve empregado o ano todo recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo (R$ 954). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é 1/12, e assim sucessivamente.
Trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-726 02 07. Para servidores públicos, a referência é o Banco do Brasil, que também fornece informações pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-729 00 01.

 

Reportar Erro
Digix - Julho24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Saúde
MP quer pormenores sobre Hospital Regional
Dá pra pagar as contas? Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 47 milhões nesta quinta
Geral
Dá pra pagar as contas? Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 47 milhões nesta quinta
Fachada Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul
Geral
Servidores da Assembleia terão auxílio-saúde e licença-maternidade ampliada
MP reitera acusação de fraude contra Giroto e outros nas obras do Aquário do Pantanal
Justiça
MP reitera acusação de fraude contra Giroto e outros nas obras do Aquário do Pantanal
O local também conta com brinquedos montessorianos
Geral
Bioparque inaugura sala de acomodação sensorial reservada para autistas
Bolsa Família: 208,2 mil lares recebem benefício a partir desta quinta-feira (18)
Geral
Bolsa Família: 208,2 mil lares recebem benefício a partir desta quinta-feira (18)
TJ absolve oficial da PMMS acusado de homofobia contra subordinado
Justiça
TJ absolve oficial da PMMS acusado de homofobia contra subordinado
Horóscopo do dia - Veja a previsão para o seu signo 18/07/2024
Geral
Horóscopo do dia - Veja a previsão para o seu signo 18/07/2024
Fórum de Dourados será reformado -
Interior
TJMS investe R$ 2,2 milhões em reforma do Fórum de Dourados
Michel Teló é produtor rural em Mato Grosso do Sul
Justiça
Acordo de R$ 35 mil 'acaba' com investigação na Fazenda da família de Michel Teló

Mais Lidas

Próximos dias serão quentes
Clima
Até logo, frio! Temperaturas voltam a subir e Capital deve registrar 30ºC esta semana
Tempo segue estável em Campo Grande
Clima
Calor de volta? Friozinho começa a dar tchau nesta terça-feira em MS
Divulgação da nova loja na Capital
Comportamento
JD1TV: Nova loja de sex shop da Capital divide opiniões após divulgação inusitada
Casa da Mulher Brasileira, a Deam
Polícia
Miojinho? Homem surta após 'g0zAr rápido' durante swing com esposa e amigos no Colúmbia