Menu
Menu
Busca sexta, 14 de junho de 2024
Prefeitura Refis Junho24
Geral

Prefeitura garante casa e renda para antigos moradores do Cidade de Deus

31 maio 2017 - 12h44

O sonho de ter a casa própria e aprender uma profissão é realidade para mais de uma centena de pessoas que moravam no Cidade de Deus. Nesta quarta-feira (31), a Prefeitura de Campo Grande, por meio da Fundação Social do Trabalho de Campo Grande (Funsat) e Agência Municipal de Habitação (Ehma) abriu 160 inscrições para ex-moradores da comunidade participarem do Programa de Inclusão Profissional (Proinc).

Os inscritos vão aprender uma profissão e construir sua própria casa. Os cursos começam no dia 5 de junho e serão todos voltados para área de construção e acabamento de obras.

Na solenidade de inscrição, o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, pontuou que este é o sonho de todas as pessoas – ter um lar e progredir na vida. “Deus nos deu a vida para que a gente viva em abundância. Deus quer que nós tenhamos uma casa boa para morar. E é isso que estamos fazendo hoje, como instrumentos de Deus”, afirmou.

O prefeito ainda pontuou que estas casas devem ter qualidade, para que todos possam viver nela em harmonia. “Vocês vão ser qualificados para que possam construir uma casa boa, com piso, forro. Vão fazer o curso e no fim receber a inscrição”, afirmou.

Inscrito para o curso de eletricista, Rogério Carvalho do Carmo, que é jardineiro, diz estar muito feliz, por ver a atual gestão trabalhando verdadeiramente para mudar a realidade em que se encontravam. “Era isso que a gente esperava há muito tempo. Isso se chama política habitacional – alinhou todas as frentes e criou um processo que vem não só para levantar a região como a cidade. Moradia digna, qualificação e emprego. Este momento é um marco histórico para Campo Grande”, disse.

Para ele, a política habitacional planejada pela gestão municipal vai mudar a vida de todos que moravam na Comunidade Cidade de Deus. “Tem gente aqui com 30, 40 anos, que não tem nenhuma qualificação e agora vai ter. Tem morador que nem carteira de trabalho tem. Isso vem alinhar todas as situações e resolver de uma vez por todas. Estou muito feliz e como muita expectativa”, enfatizou.

Assim como ele, dona Edineusa Luiz, que é manicure e também será eletricista, espera mudar de vida. “Pra gente é uma expectativa muito boa. Há quatro anos a gente espera por essa moradia, e agora vamos ter a nossa casa e vamos estar capacitados para uma vaga de emprego. Muitos não tinham como estudar porque não tinham condições e agora vão construir a própria casa e ter uma profissão e um salário mínimo”, frisou.

Para que estes sonhos se concretizem, o diretor-presidente da Funsat, Cleiton Franco, explica que os cursos vão formar os moradores para serem eletricista, pintor, pedreiro, servente, encanador, carpinteiro e azulejista. “Eles vão participar desses cursos e se qualificar para dar início às construções das casas. O curso começa dia 5 de junho e todos os voluntários vão receber um salário mínimo e uma cesta básica”, explica.

São 160 vagas distribuídas entre os moradores dos bairros José Teruel Filho II, Bom Retiro, Canguru e Vespasiano Martins. Os cadastros estão sendo realizados por meio do Programa de Inclusão Profissional (Proinc). Todos os participantes receberão bolsa auxílio e uma cesta básica mensal.

O diretor-presidente da Agência Municipal de Habitação (EMHA), Enéas Netto, explicou que a Ehma já fez o orçamento e garantiu um aporte de R$ 5 milhões com os governos estadual e federal para finalizar o acabamento.

“Vamos adquirir todos esses materiais de construção e em parceria com a Funsat vamos estar executando e assumindo a responsabilidade da obra para finalizar essas casas. São casas com dois quartos, sala, cozinha e banheiro. O governo estadual vai atender com pintura externa, interna, piso e forro para todas as unidades. O curso vai levar entre 30 e 45 dias. Nesse período também queremos finalizar a avaliação estrutural das unidades e com o material já comprado para dar inicio as obras”, finalizou.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Geral
Grupo convoca ato "Criança não é mãe" contra o PL 1904 neste sábado na Capital
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado
Geral
Passageiros desmaiam de calor após 3 horas dentro de avião sem ar-condicionado
Kate Middleton publica primeira foto após ser diagnosticada com câncer
Geral
Kate Middleton publica primeira foto após ser diagnosticada com câncer
Presidente da Fiems, Sérgio Longen em entrevista
Geral
Longen comemora devolução da 'MP do Fim do Mundo'
Diretores de fundações estaduais são nomeados com novos salários
Geral
Diretores de fundações estaduais são nomeados com novos salários
JD1TV: Prefeito de cidade do RS tem celular roubado durante live; veja vídeo
Geral
JD1TV: Prefeito de cidade do RS tem celular roubado durante live; veja vídeo
E.M. Professor Múcio Teixeira Júnior -
Educação
Prefeitura fecha contrato de R$ 281 mil para reforma de escola na Vila Carlota
Hugo e Rubia
Polícia
Rúbia acusada de esquartejar jogador se entrega e fica em presídio no PR
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Justiça
MPMS investiga empresas por desmatamento ilegal em Campo Grande
Imagem da urna eleitoral eletrônica /
Política
PM candidato é alvo do MP Eleitoral por propaganda antecipada na Capital

Mais Lidas

Estátua em homenagem ao cantor João Carreiro
Comportamento
Vai ter estátua! Mesmo com polêmicas, 'Tributo a João Carreiro' acontece nesta quarta
Rua 14 de Julho
Geral
Abre e fecha de Santo Antônio: Confira o que funciona na Capital no feriado
Cantor sertanejo cancela shows ao ser diagnosticado com tumor cerebral
Geral
Cantor sertanejo cancela shows ao ser diagnosticado com tumor cerebral
Maria Isabel e Marco Antônio | Anna Colombi e o noivo
Comportamento
Santo Casamenteiro? Jovens encontraram o amor após acharem aliança em bolo na Capital