Menu
Menu
Busca quarta, 22 de maio de 2024
Camara Maio24 - TV camara
Geral

Resolução de redução de gases de efeito estufa dos combustíveis é aprovada

Decisão está publicada no Diário Oficial da União

27 dezembro 2022 - 13h30Evelyn Thamaris, com Informações Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro aprovou resolução do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) que define metas compulsórias anuais de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa para a comercialização de combustíveis nos próximos dez anos, no âmbito da Política Nacional de Biocombustíveis (Renovabio). A medida foi publicada hoje (27) no Diário Oficial da União.

A resolução fixa o valor da meta global para o período entre 2023 e 2032, além dos intervalos de tolerância. Pela 2023, as distribuidoras terão de adquirir 37,47 milhões de créditos de descarbonização (CBIOs).

Para o período 2024/2031, não houve alteração nas metas que já haviam sido estabelecidas pelo CNPE em outubro de 2021, mas houve adição de valores para o ano de 2032, definido agora em 99,22 milhões de CBIOs.

Redução de emissões

Os créditos de descarbonização fazem parte do programa RenovaBio, que determina que os distribuidores de combustíveis líquidos têm uma meta compulsória de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa.

O crédito é emitido por produtores e importadores de biocombustíveis, devidamente certificados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O volume a ser adquirido pelas distribuidoras é baseado nas notas fiscais de compra e venda dos combustíveis. A meta anual de descarbonização dessas empresas que vendem combustíveis fósseis é calculada pela ANP.

Adquirir CBIOs é a única forma de atingir as metas. De acordo com Ministério de Minas e Energia, um CBIO equivale a uma tonelada de emissões evitadas, o que representa sete árvores em termos de captura de carbono.

JD1 No Celular

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

RS recebe casas montáveis enviadas pela ONU
Geral
RS recebe casas montáveis enviadas pela ONU
Morre, aos 58 anos, Charlie Colin, um dos fundadores do Train
Geral
Morre, aos 58 anos, Charlie Colin, um dos fundadores do Train
Instituto Homem Pantaneiro seleciona jovens aprendizes de 16 a 20 anos
Geral
Instituto Homem Pantaneiro seleciona jovens aprendizes de 16 a 20 anos
Lançamento foi nesta quarta-feira (22)
Geral
Bioparque lança PPBio Pantanal: Capital Natural
Declaração foi feita pelo padre Paulo Santos durante missa
Geral
JD1TV: Padre de MS associa tragédia no RS com centros de macumba, "abraçou a bruxaria"
Ator Tony Ramos
Geral
Tony Ramos recebe alta do CTI após segunda cirurgia cerebral
Em meio a chuvas, Rio Grande do Sul confirma 2ª morte por leptospirose
Geral
Em meio a chuvas, Rio Grande do Sul confirma 2ª morte por leptospirose
Não caia em golpes
Geral
ATENÇÃO! Detran alerta sobre golpes com "sites dublês" no pagamento do IPVA
Foto: Divulgação
Geral
Em 20 dias, Correios arrecadaram mais de 15 mil toneladas em doações para o RS
Sede do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul - TCE/MS
Justiça
TCE-MS suspende leilão de veículos em Paranaíba por indícios de irregularidades

Mais Lidas

Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
Geral
Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
O motociclista foi carbonizado durante a colisão
Polícia
Pneu estourado teria causado acidente que matou motociclista carbonizado na BR-163
Motociclista morreu ao ser carbonizado durante acidente
Polícia
JD1TV AGORA: Motociclista morre carbonizado em acidente na BR-163, em Campo Grande
Francisco Cezário é alvo de operação do Gaeco em Campo Grande
Polícia
Francisco Cezário é alvo de operação do Gaeco em Campo Grande