Menu
Busca quarta, 16 de junho de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - Junho21
Geral

Vídeo: Incêndio destrói loja na área central de Corumbá

“Perdi o trabalho de toda uma vida", disse o dono do estabelecimento ao ver seu imóvel em chamas

11 dezembro 2018 - 11h54Da Redação

Na tarde desta segunda-feira (10), um incêndio destruiu a loja Tentação, que vende de tudo, desde tecido até alimentos, na área central de Corumbá, que teria iniciado após a explosão de uma garrafa de álcool no interior da loja. As chamas começaram pela parte superior do prédio, onde ficava o depósito de produtos que, aliás, nessa época do ano dedicada às festas e próxima ao carnaval, e já havia reforçado todo o estoque.

Imediatamente as labaredas se alastraram atingindo toda a loja,  sendo necessário a presença de quatro viaturas dos bombeiros e até ajuda da Marinha do Brasil para tentar conter as chamas, entretanto, o fogo alastrou e consumiu tudo, atingindo alguns imóveis vizinhos. 

“Perdi o trabalho de toda uma vida. Minha, de minha esposa, minha família”, ressaltou o empresário Nasser Safa ao tentar descrever o sentimento enquanto acompanhava o trabalho de combate ao fogo e rescaldo do incêndio que destruiu a loja.

Muito abalado com a perda, o empresário disse não ser possível calcular os prejuízos, que vão além dos produtos e estruturas do prédio histórico. “Foram-se documentos, fotos de família junto com o fogo”, afirmou ao lembrar que a Tentação estava com 20 anos de existência desde que surgiu em 1998 como uma loja de produtos a R$ 1,99. 

“Você imagina chegar com vinte e poucos anos de idade e agora com mais de 50 perder tudo o que você conseguiu com muito trabalho?”, declarou Nasser ao confirmar que a loja não tinha seguro. “A ficha ainda não caiu”, comentou o empresário

O Corpo de Bombeiros de Corumbá informou que em quatro horas e meia de combate ao incêndio na Loja Tentação, foram gastos pelo menos 90 mil litros de água pelos caminhões-tanques da própria corporação, da Marinha, Exército, Sanesul, Infraero e Equipe Engenharia. Polícia Militar, Agetrat e Guarda Municipal que também deram apoio ao trabalho, cuidando do isolamento do quarteirão. 

O trabalho de rescaldo entrou pela madrugada e segue pela manhã desta terça-feira (11). Nessa fase, apenas os bombeiros seguem realizando a ação, porém com muita cautela devido às grandes possibilidades de desabamento existentes no local. A Agetrat permanece interditando, agora, a quadra onde se localizava a loja, na rua 13 de Junho, entre as ruas Antônio Maria e Antônio João. Nos arredores, o cheiro de fumaça ainda é bastante intenso.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Celulares apreendidos em presídios já foram doados a mais de 2 mil alunos
Geral
Huck diz que não será candidato à Presidência, mas substituirá Faustão
Geral
CPI da Energisa depende de julgamento que ocorre hoje
Geral
Vídeo mostra momento que mulher é morta a tiros pelo ex-marido
Geral
Trecho crítico em BR será modificado
Geral
Motociclista é socorrido após bater em coqueiro no canteiro central
Geral
MPMS se reúne com Poderes e Instituições para debater sobre decretos ‘conflitantes’
Geral
Leilão com BMW chega ao fim nesta quarta-feira em Dourados
Saúde
“Não precisa que professores estejam vacinados”, diz Queiroga sobre aulas presenciais
Saúde
Na luta contra covid, MS transfere mais três pacientes para Rondônia

Mais Lidas

Cidade
Foi selecionado? Prefeitura convoca 51 candidatos aprovados em seleção
Geral
Dois meses após vencer a Covid-19, médico ainda se recupera e agradece orações
Brasil
Polícia encontra corpo de ex-parceiro de dupla de Cristiano Araújo
Economia
Auxílio Emergencial: Governo antecipa pagamento da 3ª parcela; veja novas datas