Menu
Busca quarta, 16 de junho de 2021
(67) 99647-9098
Prefeitura Refiz junho21
Geral

Wagner Montes, apresentador e deputado federal eleito, morre aos 64 anos

O parlamentar estava internado há dois meses para tratamento de uma infecção urinária

26 janeiro 2019 - 13h15Da redação

Morreu na manhã deste sábado (26), por volta das 11h30, o deputado federal eleito Wagner Montes (PRB). O parlamentar e apresentador de TV tinha 64 anos e estava internado há dois meses no Hospital Barra D'Or para o tratamento de uma infecção urinária. A causa da morte foi choque séptico e sepse abdominal.

Conforme o G1, em novembro de 2018, o deputado já tinha sofrido um infarto.

O velório será realizado na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) em data e horário que ainda serão confirmados pela família.

Wagner Montes foi eleito deputado federal nas últimas eleições pelo Partido Republicano Brasileiro (PRB), com 65.868 votos. Ele estava no terceiro mandato na Alerj.


Casado há 30 anos com a apresentadora Sônia Lima, Wagner também era advogado e apresentava telejornais na TV Record.

Criado no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, o político teve uma infância pobre. Na juventude trabalhou como garçom, vendedor de camisas e açougueiro.

Em 1974, estreou na Rádio Tupi, passando em 1979 para a TV, onde apresentou os programas “Aqui e Agora” na extinta TV Tupi e “O Povo na TV” na TVS, hoje SBT. O apresentador comandou diversos programas ligados à música e às causas populares. Ao todo foram 17 anos trabalhando na emissora de Silvio Santos, período em que conheceu a atriz Sônia Lima, no Show de Calouros.

Wagner Montes elegeu-se deputado estadual no ano de 2006, com a expressiva votação de 111.802 votos. Em 2010, com 528.628 votos, destacou-se como o deputado estadual mais votado da história política do Estado do Rio de Janeiro. Seu mandato teve forte atuação nas áreas de segurança pública, saúde e educação.

O parlamentar ocupou por quatro anos o cargo de 1º Secretario da Mesa Diretora da Alerj. Na eleição de 2014, foi reeleito, com 208.814 votos e foi o segundo deputado estadual mais votado naquela eleição.


Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Huck diz que não será candidato à Presidência, mas substituirá Faustão
Geral
CPI da Energisa depende de julgamento que ocorre hoje
Geral
Vídeo mostra momento que mulher é morta a tiros pelo ex-marido
Geral
Trecho crítico em BR será modificado
Geral
Motociclista é socorrido após bater em coqueiro no canteiro central
Geral
MPMS se reúne com Poderes e Instituições para debater sobre decretos ‘conflitantes’
Geral
Leilão com BMW chega ao fim nesta quarta-feira em Dourados
Saúde
“Não precisa que professores estejam vacinados”, diz Queiroga sobre aulas presenciais
Saúde
Na luta contra covid, MS transfere mais três pacientes para Rondônia
Geral
De BMW a moto Biz, leilão de veículos encerra na quarta-feira

Mais Lidas

Cidade
Foi selecionado? Prefeitura convoca 51 candidatos aprovados em seleção
Geral
Dois meses após vencer a Covid-19, médico ainda se recupera e agradece orações
Brasil
Polícia encontra corpo de ex-parceiro de dupla de Cristiano Araújo
Economia
Auxílio Emergencial: Governo antecipa pagamento da 3ª parcela; veja novas datas