Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Internacional

Covid: Governo chinês deve instalar barreira física no topo do Everest

Objetivo é impedir que alpinistas de um lado entrem em contato com os do outro

10 maio 2021 - 16h15Matheus Rondon, com informações O Valor

O governo chinês informou no domingo (9), que pretende criar uma barreira física no alto do monte Everest, na fronteira entre o país e o Nepal. A medida se faz necessária para impedir que alpinistas de um lado entrem em contato com os do outro, dificultando assim a transmissão do coronavírus na região.

A notícia foi confirmada sem detalhes por Nyima Tsering, que dirige a pasta responsável por regular as atividades do Everest do lado chinês, para a agência estatal de notícias Xinhua.

Tradicionalmente, os alpinistas dos dois lados se encontravam nesse espaço, mas a China quer impedir que isso aconteça porque o vizinho passa atualmente por uma segunda onda de coronavírus.

No domingo, o Nepal registrou 88 mortes por causa da doença, um recorde na pandemia. O número de casos novos diários, que não alcançava 200 no início de abril, agora chega a quase 9.000. No total, o país de 28 milhões de habitantes registrou 403.794 casos confirmados de coronavírus e 3.859 mortes.

Por causa da pandemia, a escalada do Everest estava proibida desde o ano passado, mas recentemente o governo nepalês liberou novamente a atividade.

Até o momento, 408 escaladores receberam autorização para tentar fazer a escalada pelo lado do Nepal este ano, um recorde. Do lado chinês, foram apenas 21 autorizações deste tipo.

De acordo com o jornal The New York Times, o acampamento onde os escaladores ficam no Nepal antes de concluir a escalada teve um surto de coronavírus e muitos alpinistas foram contaminados –dezenas de pessoas tiveram que ser resgatadas de helicóptero e levadas para hospitais da capital, Katmandu, após apresentarem sintomas enquanto subiam a montanha.

Por isso, o governo chinês também anunciou mais medidas de proteção, incluindo a instalação de um posto de controle na saída de seu acampamento-base. Agora, os alpinistas e seus guias terão que passar pelo local e, em caso de suspeita de contaminação, deverão ficar em isolamento antes de serem liberados para deixar a montanha.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Espanha se prepara para desobrigar máscaras em espaços públicos
Internacional
Reino Unido aplicará multa de R$ 70 mil para noivos que furarem protocolo Covid
Internacional
Israel burla cessar-fogo e ataca localizações do Hamas em Gaza
Internacional
Moscou sorteia carros para quem tomar vacina contra a Covid-19
Internacional
Em 40 segundos, pescador é engolido e cuspido vivo por baleia jubarte
Internacional
Vídeo: Paraquedista interrompe jogo e leva cartão amarelo de juiz
Internacional
Vídeo: Mulher faz protesto nua e quebra Outback
Internacional
EUA vão doar 500 milhões de doses da Pfizer a países pobres; Brasil fica de fora
Internacional
China desenvolve vacina contra covid-19 por inalação
Internacional
Solo se abre e cria buraco com mais de 90 metros no México

Mais Lidas

Polícia
Tio engravida sobrinha de 13 anos e tia tenta fazer aborto, mas criança nasce
Geral
Ciclista morre ao ser atropelado voltando do serviço
Geral
Agente penitenciário é mais uma vítima da Covid-19 na capital
Polícia
Pastor preso por estupro de adolescentes, já foi detido por violência doméstica