Menu
Menu
Busca domingo, 03 de março de 2024
Justiça

Cooperação entre TJMS e Sejusp moderniza fluxo de procedimentos investigatórios

Antes dependentes de documentação física, agora, com a cooperação, todo o processo será realizado de maneira digital

04 dezembro 2023 - 08h54Vinícius Santos

Em busca de otimizar a troca de informações e agilizar procedimentos judiciais, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS) e a Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) formalizaram, na última sexta-feira, 1º de dezembro, um termo de cooperação. O acordo foi assinado pelo presidente do TJMS, Des. Sérgio Fernandes Martins, e pelo secretário Antonio Carlos Videira. 

 Antes dessa integração, os procedimentos investigatórios eram fisicamente transportados pela polícia até os fóruns, onde eram distribuídos e digitalizados pelo judiciário e Ministério Público. O sistema anterior demandava tempo, esforço e recursos significativos. 

O presidente do TJMS destacou o esforço conjunto para tornar a integração uma realidade em todas as 55 comarcas do estado, abrangendo 139 delegacias. Desde a implantação em 2022, mais de 8.800 inquéritos policiais, 31.200 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO's) e quase 19 mil complementações foram transmitidos eletronicamente, simplificando mais de 58.800 ajuizamentos de procedimentos. 

O secretário Antônio Carlos Videira recordou o tempo em que era necessário levar centenas de inquéritos até a justiça para solicitar prazos. Ele parabenizou o trabalho desenvolvido para alcançar a integração e ressaltou a importância desse passo no contexto de inclusão e evolução digital. 

Na sua fala, Videira disse: "Hoje nos deparamos com esse sonho realizado, principalmente em uma época em que se discute inclusão, e percebemos o quanto foi possível evoluir. Mas o que comemoro principalmente é a integração - essa integração não apenas de dois sistemas, mas de pessoas por um mundo melhor, inclusivo, digital."

O Des. Sérgio Fernandes Martins enalteceu o trabalho e empenho dedicados para concretizar a integração. Ele reconheceu a importância da colaboração entre Sejusp, Corregedor-Geral de Justiça e o presidente do judiciário para alcançar esse avanço tecnológico.

Martins afirmou: "Parabéns a todos os envolvidos porque sabemos como foi difícil chegar a esse momento e o quanto ele é importante não só para o judiciário, mas para segurança pública, para polícia, para o ministério público, para os advogados e principalmente para os jurisdicionados."

O termo de cooperação técnica, com validade inicial de 60 meses, prorrogável por igual período, permitirá a comunicação eletrônica dos procedimentos investigatórios. As próximas etapas incluem a ativação das demais classes de procedimentos sigilosos e a possibilidade de envio de mídias.

Além do presidente do TJMS e do secretário da Sejusp, assinaram o termo o Des. Fernando Mauro Moreira Marinho, Corregedor-Geral de Justiça, e Roberto Gurgel de Oliveira Filho, delegado-geral da Polícia Civil. O evento contou com a presença de representantes da Adepol, delegados e diretores da área de Tecnologia da Informação do TJMS e da SIGO.

JD1 No Celular

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF irá retomar na próxima semana julgamento sobre porte de drogas
Justiça
STF irá retomar na próxima semana julgamento sobre porte de drogas
Meta
Justiça
Justiça dá prazo de 30 dias para Meta, dona do Facebook, mudar de nome no Brasil
MP espanhol vai recorrer para aumentar pena de Daniel Alves por estupro, diz agência
Justiça
MP espanhol vai recorrer para aumentar pena de Daniel Alves por estupro, diz agência
Banco é responsável por transações após roubo de celular, decide STJ
Justiça
Banco é responsável por transações após roubo de celular, decide STJ
Estudantes de direito podem se inscrever para estágio em Fórum de Corumbá
Justiça
Estudantes de direito podem se inscrever para estágio em Fórum de Corumbá
Eleições 2024: Eleitores têm até 8 de maio para regularização com a Justiça Eleitoral
Brasil
Eleições 2024: Eleitores têm até 8 de maio para regularização com a Justiça Eleitoral
Foto: Divulgação/DPERGN
Justiça
Defensoria levará Van dos Direitos em ação em Paranhos
Fachada do Hospital - Foto:
Justiça
MPMS investiga hospital de câncer por carência de especialistas em cabeça e pescoço
Dino segue Moraes e vota a favor da condenação de 15 réus do 8 de janeiro
Justiça
Dino segue Moraes e vota a favor da condenação de 15 réus do 8 de janeiro
Defensoria Pública da União (DPU) -
Justiça
Defensoria Pública da União nega integrar grupo para criar cadeia para indígenas em MS

Mais Lidas

Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km
Geral
Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km
Rapaz não teve tempo de ser socorrido
Polícia
JD1TV AGORA: Rapaz é assassinado com vários tiros no Aero Rancho
Patrick foi atingido com três disparos
Polícia
Jovem foi assassinado por dupla em motocicleta no Aero Rancho
AGORA: Homem é baleado e dirige até a UPA Coronel Antonino para pedir socorro
Polícia
AGORA: Homem é baleado e dirige até a UPA Coronel Antonino para pedir socorro