Menu
Menu
Busca segunda, 22 de abril de 2024
TJMS Abril24
Justiça

Desembargador suspende compra bilionária de tanques pelo Exército

Magistrado diz que compra não faz sentido durante "tempos de paz"

05 dezembro 2022 - 14h41Pedro Molina

O desembargador federal Wilson Alves de Souza, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), decidiu suspender, em caráter provisório, a compra de 98 blindados italianos pelo Exército Brasileiro.

Na decisão, o magistrado destaca que não existe nenhuma necessidade de o Brasil comprar equipamentos bélicos, dado o momento em que o país se encontra.

"Ao que consta a todos, a única guerra que se está a enfrentar nesse momento é a travada contra a Covid-19, que permanece e recrudesce no atual momento – e isso também é fato público e notório, a exigir mais investimentos em lugar de cortes, exatamente na área da saúde", explicou.

O desembargador também destacou a “evidente a falta de razoabilidade, desvio de finalidade, ilegalidade e até mesmo de elementar bom senso” pela realização da compra de armas “em tempo de paz”, principalmente "em meio a cortes bilionários no orçamento público que totalizam R$ 5,7 bilhões, dos quais metade têm origem de cortes oriundos da Educação (R$ 1,435 bilhão) e Saúde (R$ 1,396 bilhão)".

O valor da compra dos veículos foi de cerca de 900 milhões de euros, que segundo o Exército, sairá cerca de R$ 3,3 bilhões, mas a ação aponta que o gasto pode ser de até R$ 5 bilhões.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF; justiça
Justiça
STF diz que delegados e MP podem solicitar informações de celular sem autorização judicial
Justiça condena homem por uso de CNH falsa após acidente em Campo Grande
Justiça
Justiça condena homem por uso de CNH falsa após acidente em Campo Grande
Dinheiro apreendido na operação contra o grupo criminoso -
Justiça
Escândalo em Sidrolândia, conheça os nomes e as denúncias
Sede do Gaeco - MPMS
Justiça
Juiz nega internação hospitalar para assessor de vereador preso em operação
Vereador Claudinho Serra
Justiça
Defesa de Claudinho Serra reafirma pedido de liberdade e propõe tornozeleira eletrônica
Alexandre de Moraes
Justiça
Comitê da Câmara dos EUA critica Moraes em documento
Ex-presidente Jair Bolsonaro
Justiça
Bolsonaro pede que Zanin se declare impedido em recurso contra inelegibilidade
Justiça determina indenização de R$ 15 mil para mulher vítima de acidente em Rio Brilhante
Interior
Justiça determina indenização de R$ 15 mil para mulher vítima de acidente em Rio Brilhante
Wladimir Costa -
Brasil
Ex-deputado federal é preso por violência política e ataques na internet
Sede do Gaeco - MPMS
Interior
Promotora se opõe à internação hospitalar de assessor de vereador preso na Operação Tromper

Mais Lidas

AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Polícia
AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Emocionados, vários miliares acompanharam o velório do Capitão
Polícia
Velório de Capitão do Choque arrancou lágrimas até dos mais "durões"
Capitão Leonardo Mense partiu durante a noite de sábado (21)
Polícia
'Imenso legado': Capitão Mense é homenageado por autoridades e instituições de MS
JD1TV: Mulher morre ao ser atropelada várias vezes pelo namorado na Capital
Polícia
JD1TV: Mulher morre ao ser atropelada várias vezes pelo namorado na Capital