Menu
Menu
Busca quarta, 29 de maio de 2024
Secovi
Justiça

Flordelis é condenada a mais de 50 anos pela morte do pastor Anderson

A filha dela foi condenada a mais de 30 anos pelo assassinato

13 novembro 2022 - 12h10Da redação

A ex-deputada Flordelis foi condenada a 50 anos e 28 dias pelo homicídio do pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. A pastora foi condenada por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, além uso de documento falso e associação criminosa armada.

Simone dos Santos Rodrigues, filha biológica de Flordelis, foi condenada a 31 anos e 4 meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado e associação criminosa armada.

Rayane dos Santos, neta biológica da ex-deputada e Marzy Teixeira e André Luiz de Oliveira, filhos adotivos de Flordelis, foram inocentados.

A decisão foi tomada pela 3ª Vara Criminal de Niterói após mais de seis dias de julgamento em júri popular.

Após a leitura da sentença, o produtor musical Allan Soares, namorado de Flordelis, chorou muito.

Depoimento de Flordelis - A ex-deputada Flordelis disse durante o interrogatório que abusos que o pastor cometia dentro de casa foram a motivação para que fosse assassinado – abusos inclusive contra ela.

Flordelis voltou a negar, no entanto, que tenha envolvimento na execução. A ex-deputada lembrou que dois filhos – Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas Cézar dos Santos de Souza – foram condenados pela execução, mas disse que não poderia dizer quem foram os autores porque não estava na cena do crime.

“Eu não posso acusar ninguém, eu não estava presente no local, eu não vi. Eu não posso afirmar. Meu filho Flávio foi sentenciado e meu filho Lucas foi sentenciado."
Flordelis se emocionou muito durante o interrogatório. Um dos jurados chegou a perguntar se o choro era real, e a ex-deputada confirmou que "sim".

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Previdência Social
Justiça
STF vai decidir sobre pagamento integral de aposentadoria por doença incurável
Prefeita de Jardim é condenada por conduta vedada, mas escapa da cassação
Justiça
Prefeita de Jardim é condenada por conduta vedada, mas escapa da cassação
Valor da tarifa de ônibus a R$1,75 vale apenas para usuários Smart Card/Cartão Cidadão
Justiça
Justiça manda começar perícia nas contas do Consórcio Guaicurus
Gabriela foi assassinada com vários disparos
Justiça
Prisão de homem acusado de auxiliar em feminicídio em Campo Grande é mantida
Defensoria garante passe livre a homem com problemas na visão em Campo Grande
Cidade
Defensoria garante passe livre a homem com problemas na visão em Campo Grande
Moraes determina que PF ouça delegado preso suspeito de planejar morte de Marielle
Justiça
Moraes determina que PF ouça delegado preso suspeito de planejar morte de Marielle
STF prorroga diretriz das cotas raciais em concursos públicos
Justiça
STF prorroga diretriz das cotas raciais em concursos públicos
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande -
Justiça
TJ manda empossar suplente filiado ao PSDB
Alexandre de Moraes
Brasil
Recursos de delações e condenações devem ser destinados pela União, diz STF
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Interior
Ação judicial obriga reforma em unidade de acolhimento de Paraíso das Águas

Mais Lidas

Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Vítima morreu ainda no local
Polícia
Homem é morto a tiros após jogar salgado em dono de lanchonete
Campo Grande amanhece encoberta de névoa
Clima
Campo Grande amanhece com neblina e frio ganha novo aliado nesta segunda
Delegadas Elaine Benicasa e Analu Lacerda deram detalhes sobre o crime de Amalha Mariano
Polícia
Nova versão: Caminhoneiro matou corretora após discussão em caso extraconjugal