Menu
Menu
Busca quinta, 30 de maio de 2024
Secovi
Justiça

Promotoria quer mais 'rigidez' na apuração de faltas disciplinares em presídios de MS

MPMS quer a responsabilização dos infratores e à promoção da segurança e da Justiça nos presídios do estado

22 abril 2024 - 09h40Vinícius Santos

O Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) está exigindo mais atenção e rigidez da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (AGEPEN/MS) na apuração de faltas disciplinares praticadas por presidiários nas unidades prisionais. 

A promotora de Justiça Jiskia Sandri Trentin, da 50ª Promotoria de Campo Grande, recomendou à AGEPEN a adoção de medidas para melhorar a coleta de evidências nas investigações de tais faltas, garantindo o direito de defesa dos envolvidos.

As ações sugeridas pela promotora incluem:

1. Ouvir os Policiais Penais que participaram da ocorrência e presenciaram os fatos;
2. Ouvir pelo menos duas testemunhas dos fatos;
3. Capturar e acessar as gravações das imagens captadas pelo sistema de monitoramento das unidades no dia e horário dos fatos, para identificar o responsável pela infração disciplinar. Essa medida vale para casos de posse de substâncias ilícitas, drogas arremessadas para o interior da unidade prisional ou outros fatos em que as imagens sejam necessárias para identificar o agente responsável;
4. Apreender os materiais (drogas e/ou outros objetos ilícitos) encontrados na posse do infractor, lavrar o termo respectivo e encaminhar para realização de exame pericial;
5. Realizar exame de corpo de delito, quando a infração disciplinar resulte em lesão corporal;
6. No caso de infração consistente em posse de substância ilícita, realizar exame toxicológico para comprovar que a substância apreendida é realmente ilegal.

A AGEPEN tem um prazo de 30 dias para responder, por escrito, sobre o atendimento ou não às recomendações, informando as providências implementadas ou que pretende implementar.

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp e fique por dentro dos acontecimentos também pelo nosso grupo, acesse o convite.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Moraes determina que União dê medicamento de R$ 16 mi para criança com doença rara
Justiça
Moraes determina que União dê medicamento de R$ 16 mi para criança com doença rara
TJ teve dois destaques em ranking do CNJ
Justiça
TJ teve dois destaques em ranking do CNJ
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande -
Política
Suplente do PSDB assume vaga na Câmara de Campo Grande
Rafael Tavares
Geral
TRE-MS valida desfiliação de Rafael Tavares do PRTB
Previdência Social
Justiça
STF vai decidir sobre pagamento integral de aposentadoria por doença incurável
Prefeita de Jardim é condenada por conduta vedada, mas escapa da cassação
Justiça
Prefeita de Jardim é condenada por conduta vedada, mas escapa da cassação
Valor da tarifa de ônibus a R$1,75 vale apenas para usuários Smart Card/Cartão Cidadão
Justiça
Justiça manda começar perícia nas contas do Consórcio Guaicurus
Gabriela foi assassinada com vários disparos
Justiça
Prisão de homem acusado de auxiliar em feminicídio em Campo Grande é mantida
Defensoria garante passe livre a homem com problemas na visão em Campo Grande
Cidade
Defensoria garante passe livre a homem com problemas na visão em Campo Grande
Moraes determina que PF ouça delegado preso suspeito de planejar morte de Marielle
Justiça
Moraes determina que PF ouça delegado preso suspeito de planejar morte de Marielle

Mais Lidas

Sensação térmica chegou a 1,7°C em Campo Grande durante a madrugada desta terça
Clima
Sensação térmica chegou a 1,7°C em Campo Grande durante a madrugada desta terça
Frio de gelar os ossos chega em MS
Clima
'Isfriô' demais: Sensação térmica bateu -1,3°C em Campo Grande na madrugada de hoje
Vítima morreu ainda no local
Polícia
Homem é morto a tiros após jogar salgado em dono de lanchonete
Secretário Hélio Peluffo, da Seilog (Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística)
Geral
Obras da 1ª rodovia de concreto em MS devem começar neste ano