Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
Gov 44 anos
Polícia

Marido dá soco em esposa na frente da polícia

Ivo Moreira ainda tentou resistir a prisão, mas foi imobilizado pelos militares

24 janeiro 2019 - 11h32Da redação

Ivo Moreira dos Santos, 38 anos, foi preso na madrugada desta quinta-feira (24), depois de agredir a sua esposa, uma mulher de 43 anos, em Três Lagoas.

De acordo com informações policiais, a guarnição recebeu uma denúncia anonima do fato e, ao chegar no local, encontrou a vítima com um corte na cabeça. Mesmo com a presença dos policiais, Ivo continuou a agressão e desferiu um soco na vítima, e um empurrão. A esposa caiu e feriu o joelho.

Neste momento, foi dada a voz de prisão ao autor. Ivo estava agressivo e precisou ser imobilizado pela equipe policial que o encaminhou para a segunda delegacia de polícia da cidade, onde permanece preso.

A vítima foi socorrida e encaminhada para uma unidade de saúde. Ela sofreu um corte na testa e ferimentos no joelho. A mulher foi atendida e posteriormente liberada.

Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
JD1TV: Viatura da polícia "fura" sinal vermelho e bate em motoentregador
Polícia
Traficante abandona carro estragado na BR-267 com mais de 500kg de droga
Polícia
Pescador é preso e autuado em R$ 2,3 mil por pesca predatória
Polícia
Filhotes de tucanos são resgatados após queda de árvore
Polícia
Operação da PF desmonta plano internacional de tráfico de drogas
Polícia
Advogado é executado na fronteira
Polícia
Dez são presos durante o final de semana em Dourados
Polícia
Homem agride a própria mãe com tijoladas na cabeça
Polícia
Homem é preso com arma após ameaçar companheira
Polícia
Golpe do PIX faz homem perder quase R$ 2 mil

Mais Lidas

Internacional
Mulher mata marido a machadadas após o flagrar estuprando sua filha de 5 anos
Vídeos
JD1TV: Corna vai tirar satisfação com amante do marido e 'pau come' solto
Polícia
Em uma noite, polícia atende três ocorrência envolvendo suicídio
Geral
JD1TV: Funcionário do Carrefour de Campo Grande é humilhado por gerente