Menu
Busca sábado, 04 de abril de 2020
(67) 99647-9098
TJMS Topo
Política

MS simplifica licença ambiental para usinas de energia solar

Serão beneficiadas as empresas que produzem até 5MW

24 março 2020 - 16h06Flávio Veras

O Governo de Mato Grosso do Sul publicou uma resolução nesta terça-feira (24) que simplifica o licenciamento ambiental de pequenos empreendimentos de geração distribuída de energia solar fotovoltaica no estado. Segundo a Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), a media deve fomentar a instalação de mais usinas, possibilitando a ampliação do uso de energia limpa no Estado.

De acordo com a Resolução, para a instalação e funcionamento de usinas solares que fazem geração distribuída de energia e que ocupam até 15 hectares ou produzem até 5 MW de energia, será exigido apenas um “Informativo de Atividade”, procedimento simplificado para obtenção do licenciamento ambiental. A medida também abrange as usinas eólicas de mesmo porte de tamanho ou produção.

“A geração distribuída é a geração de energia feita em pontos diversos, através de sistemas geradores geralmente próximos ou até mesmo na própria unidade consumidora (casas, empresas e indústrias) admitindo-se em um único procedimento destinado a geração em condomínio ou geração compartilhada para atendimento a mais de um consumidor”, infirmou a Semagro.

A revisão das exigências para o licenciamento ambiental desses empreendimentos de pequeno porte foi discutida no início do mês de março, em reunião entre o secretário Jaime Verruck, da Semagro; o diretor de Licenciamento do Imasul, Osvaldo Santos, o superintendente de Meio Ambiente e Turismo da Secretaria, Pedro Mendes e o presidente do Instituto Movimento Solar Livre, Hewerton Martins, empresário e especialista em geração de energia fotovoltaica e regulamentação do setor.

“Estamos aprimorando o processo do licenciamento ambiental e permitindo uma melhoria no gerenciamento das informações sobre a geração de energia solar no Estado. Trata-se de empreendimentos que contribuem para aumentar o uso de energia limpa em nosso Estado. Como são considerados de baixo risco, se enquadram na Lei da Liberdade Econômica e fizemos a simplificação da obtenção da licença”, comentou o secretário Jaime Verruck.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
"Médico não abandona paciente", diz Mandetta ao ser questionado se deixará cargo
Política
Coronavírus - Ministério da Saúde tem 76% de aprovação, diz Datafolha
Política
Eleições 2020: “janela” termina hoje
Política
Vídeo - Alcolumbre se diz curado do coronavírus e apoia isolamento
Política
Marquinhos solicita religação da água de inadimplentes
Política
Projeto poderá isentar pedágio para caminhoneiros autônomos
Política
Em entrevista, Nelsinho elogia desempenho de Mandetta
Política
Governo amplia por seis meses exame de saúde do concurso da PM e Bombeiros
Política
Marquinhos anuncia volta às aulas em maio e decreta momento de oração
Política
Câmara da capital aprova R$ 5,2 milhões em emendas para entidades

Mais Lidas

Brasil
Mega-Sena pode pagar R$ 1,8 milhão neste sábado
Política
"Médico não abandona paciente", diz Mandetta ao ser questionado se deixará cargo
Saúde
MS registra 62 casos de coronavírus
Polícia
Após seis boletins contra ex-marido, mulher é morta com tiro na cabeça