Menu
Busca sábado, 08 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
TJMS agosto/20
Política

Vídeo: Abatido, Delcídio faz relato e volta ser internado

Ex-ministro anunciou que voltaria ao hospital pelas redes sociais, devido piora em seu quadro clínico

28 julho 2020 - 14h38Flávio Veras

O ex-ministro Delcídio do Amaral, de 65 anos, voltou a ser internado nesta terça-feira (28), após apresentar piora no quadro clínico de Covid-19 e dengue, o que ele mesmo denominou de “covengue”. Antes da internação e abatido, o ex-ministro deu uma entrevista à TV Morena, afiliada da Rede Globo no estado, onde afirmou “estar se sentindo um farrapo humano”.

O ex-ministro deu entrada pela manhã de hoje no Hospital da Cassems de Campo Grande. Pouco antes, ele também fez o anúncio da piora do seu quadro de saúde em suas redes sociais. “O "ioiô" dos sintomas resolveu ficar parado de ontem pra hoje e não melhorei. Essa noite tive mais febre e acredito que estou desidratando. Não adianta teimar! Estou voltando pro hospital”, diz Delcídio na publicação.

Delcídio foi diagnosticado com a infecção pelo novo coronavírus no dia 14 de julho, após fazer um teste do tipo RT-PCR, em um laboratório.

Relato

Em entrevista à TV Morena o ex-senador da República, de 65 anos, resume o que tem passado com as duas doenças. "A gente se sente um farrapo humano".

Ele disse que se surpreendeu com a piora no estado de saúde. Um dia após a internação, descobriu que também estava com dengue, quando fez um trocadilho dizendo que estava com “covengue”.

Aparentemente mais magro, abatido e cansado, ele comentou como está se sentido. "Tenho medicação que me foi passada que eu estou seguindo à risca e fazendo um processo de hidratação muito forte, especialmente por causa da dengue. Estou particularmente muito cansado ainda. Não sei é a mistura da dengue com covid, ou agora mais dengue do que covid, mas são doenças que humilham a gente. A gente vira um farrapo humano. Você tem as forças completamente abaladas. Você se sente um fraco e impotente. É uma coisa assim, inacreditável. Doenças gravíssimas. A gente precisa ficar muito atento".

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Fabrício Queiroz e esposa repassaram R$ 89 mil para Michelle Bolsonaro
Política
Eleição para vereador é enigma na pandemia
Política
"Nunca procurou a gente para conversar", diz Marquinhos sobre a Defensoria Pública
Política
“Medidas são tomadas para frear a pandemia e não matar a economia”, diz Marquinhos
Política
Reinaldo cria departamento anticorrupção
Política
Ensino de Libras poderá ser obrigatório nas escolas de todo o Brasil
Política
Internado, Coronel David luta contra a covid-19
Política
Assembleia aprova tramitação de benefício a servidores do Sistema Penitenciário
Política
Comissão presidida por Nelsinho, irá ouvir ministro da Justiça
Política
Riedel crítica judicialização da pandemia

Mais Lidas

Esportes
Vídeo: 4 x 3, Palmeiras é campeão nos pênaltis
Geral
Motoboys protestam em frente a condomínio de homem que humilhou entregador
Polícia
Fazendeiro é multado em R$ 5 mil por caça ilegal de jacaré
Saúde
Brasil supera 100 mil mortes por covid-19