Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Brasil

Paulo Guedes minimiza fala de Bolsonaro sobre queda de ICMS dos combustíveis

Ministro diz que declaração do presidente “não é instantânea” e aponta para a reforma tributária

11 fevereiro 2020 - 16h34Joilson Francelino

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reconheceu durante reunião com governadores nesta terça-feira (11) que os Estados não podem baixar impostos no momento. Guedes participou da VIII Reunião do Fórum de Governadores, em Brasília – Distrito Federal.

A declaração do ministro se deu uma semana depois do presidente Jair Bolsonaro lançar um “desafio” aos governadores, de zerar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que a União faria o mesmo, zerando impostos federais.

Para Guedes, a fala do presidente chama a atenção para a necessidade da reforma tributária. “O presidente quando fala isso, ele está dizendo: ‘olha, dentro do preço do combustível, tem muito peso no imposto aí’. Então, quando ele faz uma convocação dessa [para redução do ICMS dos Estados], olha eu abaixo aqui, vocês abaixam aí. Não é instantâneo. É para ser interpretada exatamente como dizendo: vamos para essa reforma tributária”, disse. Guedes ainda afirmou que o governo federal pode abrir mão da tributação, assim como os governos estaduais, se houver um programa de substituição tributária.

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, que também esteve na reunião, aproveitou a oportunidade para cobrar da União a criação do Fundo de Ressarcimento dos Estados e a inclusão na Constituição de uma garantia de pagamento do Fundo de Participação dos Estados (FPE), para que seja possível reduzir o ICMS dos Combustíveis.

“Nós já discutimos a Reforma Tributária no Fórum, aprovamos com uma indicação do Fórum que concordávamos abrindo mão do ICMS, os municípios abrindo mão do ISS e a União abrindo mão do PIS/Confins para discutir o IBS, o novo imposto sobre o destino. Nós aprovamos desde que garantido o Fundo de Ressarcimento dos Estados e o FPE Constitucional. Nós, governadores, estávamos concordando com o fim do ICMS, não só dos combustíveis, mas de todos”, destacou Azambuja.

Totem_Alcool Gel

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Vídeo: Leonardo explica acidente com filhos e diz que “está tudo certo”
Brasil
Carro com filhos de Leonardo cai em rio
Brasil
Manu recusou proposta da Globo por produção da Netflix
Brasil
Vídeo: batedor do comboio presidencial sofre acidente no Planalto
Brasil
Mega-Sena sorteia R$ 23 milhões nesta quarta
Brasil
Vídeo - Ventos põem abaixo vinícola em Santa Catarina
Brasil
Vídeo: ciclone mata três pessoas em Santa Catarina
Brasil
"Se tornou inviável a minha continuidade", diz Decotelli após pedir demissão
Brasil
Globo tira a palavra morte do título de novela por causa da pandemia
Brasil
Jovem morre na casa da mãe, vítima do coronavírus

Mais Lidas

Economia
Fiems e Banco do Brasil anunciam linha de crédito emergencial para empresários
Geral
Atherson se recupera após cirurgia bem sucedida na Santa Casa
Economia
Procon encontra variações de até 897% nos preços de produtos de inverno
Polícia
Homem desacata delegada por estar em um cargo que "seria apenas para homens"