Menu
Busca quinta, 23 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Cidade

"Parcão" será criado em parque da capital

O primeiro espaço público para cachorros vai ser criado dentro no Parque do Sóter

24 janeiro 2019 - 12h30Da redação com assessoria

A criação do primeiro parque público para cachorros será realidade em 2019.  Pela proposta, a prefeitura vai liberar o Parque Ecológico do Sóter para a população passear com seu cão, desde que conduzido na guia, e buscará parcerias privadas para a construção de um local onde eles possam ficar soltos e se socializarem. Na próxima semana, dia 31, a Fundação Municipal de Esportes (Funesp) lança o calendário esportivo da capital, com a inclusão de novos projetos, inclusive este.

Conforme destacou o diretor-presidente da Funesp, Rodrigo Terra, a necessidade cresce a cada dia e foi reforçada com a liberação da entrada de cães em shoppings da capital. “Há uma demanda crescente por espaços específicos onde os animais possam passear e a prefeitura, ouvindo a população, vai trabalhar em duas linhas. A primeira é liberando o Parque do Sóter para a entrada de cães conduzidos na guia e a segunda é buscar empresas parceiras para criar um ambiente adequado e seguro para que os animais possam ficar soltos”, explicou Terra.

O projeto prevê a implantação de uma área de 5.400 m² para o “Parcão”, nome do novo projeto, com espaço gramado, alambrado de 1,5 m de altura, brinquedos e bebedouros específicos para cães, além de assento para os tutores. O espaço, construído pela iniciativa privada, será administrado pela Funesp.

A criação do “Parcão”, já previsto na lei n. 5920/2017, aprovado pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito Marquinhos Trad, destina espaço privativo para lazer, exercício e convívio de cães sem a utilização de guias ou outras formas de contenção do animal.

Reforma Parque do Sóter

A Funesp e a Secretaria de Obras, vão assinar a autorização para a abertura do processo licitatório de reforma do Parque Ecológico do Sóter. Cerca de R$ 600 mil serão investidos em melhorias no local, incluindo a manutenção da passarela e do parquinho infantil. O Parque, que tem 22 hectares, atende mais de 2 mil pessoas por dia em oficinas de esporte e lazer realizadas gratuitamente.

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Cruzamento da 14 de Julho com Mato Grosso será interditado nesta quinta
Cidade
Em Brasília, Marquinhos tenta quebrar lentidão de convênios
Cidade
Com investimento de R$ 1,9 mi, prefeitura retoma obra parada há cinco anos
Cidade
Bairro Santa Fé e região amanhecem sem energia
Cidade
Parques e praças da capital terão parquinhos de pneus
Cidade
Em Brasília, Marquinhos busca recurso para recapear 35 km de vias
Cidade
EMHA diz que invasões prejudicam 42 mil famílias que aguardam programa de moradias
Cidade
Administrativos da educação entram em greve
Cidade
Investimentos do estado reduzem acidentes e mortes no trânsito de capital
Cidade
Inscrições para sorteio de apartamentos na capital encerram terça-feira

Mais Lidas

Geral
Bosque dos Ipês terá exposição de animais marinhos de dez metros
Clima
Temperatura volta a cair nesta quarta-feira, em Mato Grosso do Sul
Polícia
Massacre deixa seis mortos na fronteira
Política
Reinaldo e Marquinhos apresentam plano para desassorear Parque das Nações