Menu
Busca terça, 07 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Comportamento

Paixão pelo futebol: Jovem campo-grandense vai para time da Espanha

Há quase 6 meses Matheus decidiu ir morar na Europa para jogar pelo Unión Deportiva Portuarios

24 janeiro 2023 - 13h30Taynara Menezes
Sebrae Materia

Apesar da pouca idade, o campo-grandense Matheus Rios de 19 anos, é exemplo de que a paixão pelo futebol faz atravessar fronteiras. Que o Brasil é o país do esporte não é novidade, mas o jovem atleta foi além, há quase seis meses ele cruzou o continente para morar em Gandia, na Espanha em busca de um sonho: viver do futebol. 

Segundo Matheus, o amor começou cedo, quando seu pai decidiu colocar o filho em uma escolinha de futebol aqui em Campo Grande. "Eu comecei jogando futsal pelo Pelezinho, deveria ter uns 7, 8 anos e de lá prá cá não parei mais, sempre contei com a ajuda e apoio dos meus pais, que é fundamental", contou ao JD1 Notícias.

Aos 15 anos, o jogador iniciou sua carreira profissional jogando pelo clube Operário, em seguida, foram surgindo outras oportunidades, até mesmo para jogar fora de Mato Grosso do Sul. 

"No Brasil, eu joguei pelo Clube Atlético Linense em São Paulo, depois fui para Santa Catarina jogar pelo Grêmio Esportivo Juventus e no Rio Grande do Sul fui jogar no Esporte Clube Novo Hamburgo e pelo Monsson em Porto Alegre", relembra o jogador. 

O convite para jogar na Espanha veio de um amigo que foi para o país europeu e motivou Matheus também a arriscar à vida no esporte por lá. "Meu amigo veio jogar aqui e acabou me indicando, então surgiu uma oportunidade no Unión Deportiva Portuarios, aqui em Gandia", explicou.

O clube que o atleta joga fornece moradia e alimentação, além da ajuda financeira que Matheus recebe dos pais que ainda moram aqui em Campo Grande. Atualmente o atleta joga como lateral direito, mas já está sendo treinado para ocupar a posição de ponta atacante. 

Orgulhoso da trajetória do filho, o gestor público Paulo Rios, de 49 anos, relembra como começou a paixão pelo futebol e assegura que é o maior apoiador da carreira de Matheus. "A intenção, na época, era colocar ele em um esporte e colocamos no futsal, ele por si só foi se destacando e, claro, a gente sempre incentivando da melhor forma possível e ele foi criando asas", pontuou o pai.

Embora a distância seja dolorida para a família, o sonho fala mais alto na hora da saudade. "Eu fico muito feliz por ele, mas as saudades são imensas, não é fácil", lamenta Paulo. 

Para Matheus a saudade também é difícil, mas ele garante que consegue driblar, literalmente, para conseguir alcançar seus objetivos profissionais. 

"Essa é a primeira vez jogando fora do país, tem a questão da saudade, mas isso faz parte e o frio aqui também é bem intenso, o idioma, a cultura tudo a gente acostuma com o tempo. Minha expectativa é adquirir experiência, para mais na frente chegar em clubes maiores", finalizou. 

Sebrae Materia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Comportamento
BBB23: Paula tenta mostrar "partes" de Cara de Sapato e é detonada
Comportamento
Congeladas ou frescas, as marmitas fit caíram no gosto do Campo-grandense
Oportunidade
Curso gratuito de espanhol está com inscrições abertas na Capital
Comportamento
Vem aí: Big Fone irá tocar este fim de semana no BBB23
Comportamento
Cachorro português de 30 anos é considerado o mais velho de todos os tempos
Comportamento
Jornalista Léo Batista sofre acidente no Rio de Janeiro
Comportamento
Falaê CG: Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha?
Comportamento
Conta zerada: MC Guimê tem cachê do "BBB 23" retido pela Justiça
Comportamento
JD1TV: guia fica 'cara a cara' com onça-pintada durante safari no Pantanal
Comportamento
Noitada: após festa do líder, Bruna Griphao não acorda para Raio-X e é punida

Mais Lidas

Geral
Melhores do ano CG: especialista alerta para golpe no Instagram
Polícia
JD1TV: Depoimento de motorista de aplicativo desmente relato da mãe de Sophia
Polícia
Polícia fecha boca de fumo e prende quatro envolvidos no Parque Lageado
Polícia
Delegada revela que mãe e padrasto de Sophia planejaram mentir para a polícia