Menu
Menu
Busca quarta, 24 de abril de 2024
TJMS Abril24
Comportamento

Unidos pelo Carnaval, história de Lucila e Fábio já completa quase 20 anos

Casal se conheceu na folia de Salvador em 2005, com uma amizade que se tornou um casamento que já dura 11 anos

16 fevereiro 2024 - 10h15Pedro Molina

Recentemente o JD1 foi às ruas, no Falaê CG, para fazer a pergunta: “Amor de Carnaval dura?”. Com respostas variadas, uma das provas que esse amor pode durar é o casal Lucila Silveira Gatz, de 41 anos, e Fabio Correa, de 43, que se conheceram durante o Carnaval e hoje, quase 20 anos depois, já estão casados e unidos, com o amor a folia ainda vivo.

A história do casal começou em 2005, em um sábado de Carnaval, durante o bloco Cocobambu, com show da já extinta banda Asa de Águia, em Salvador, a capital da Bahia. “Eu usava um óculos muito gigante, que era da avó de um amigo meu, e sempre que ia para Salvador pedia emprestado, e todo mundo que via aquele óculos pedia para tirar foto, dar risada, e a Lucila pediu para tirar uma foto com o óculos”, conta Fábio sobre a primeira vez que os dois se viram.

Fábio e Lucila atualmente - Foto: Arquivo Pessoal

Ainda namorando outra pessoa na época, Fábio começou a conversar com Lucila, esta que viria mais tarde a se tornar sua esposa. Em uma época onde nem Facebook ou WhatsApp existiam, muito menos smartphones, os dois trocaram seus perfis no Orkut, rede social desativada em setembro de 2014, e MSN, onde mantiveram uma troca de mensagens periódicas, estabelecendo uma amizade que duraria muitos anos.

“Nós começamos a nos falar no Orkut, trocando uma mensagem de vez em quando, uma mensagem de aniversário, perguntar como estava, algo não tão próximo assim”, explicou Lucila sobre essa 'primeira fase' do relacionamento dos dois.

Morando em Santa Catarina na época, Lucila só começou a se aproximar de Fábio em 2008, pouco tempo após deixar o Sul do Brasil e se mudar para São Paulo, onde cursava sua faculdade. “Eu morava em Santa Catarina, mas aí fui morar em São Paulo, fui trabalhar e estudar, e aí a gente se reaproximou mesmo no final de 2008”, comentou. Foi nesta época que os dois abandonaram o Orkut e MSN e foram para o Skype, que permitiu que a comunicação entre os dois fosse mais frequente.

A história dos dois realmente só tomou os trilhos do amor quando Fábio, que na época namorava uma mulher que estava em São Paulo, resolveu pôr um fim ao relacionamento dos dois.

Querendo consolar seu amigo após o término, Lucila resolveu sair com ele até a hora de seu ônibus, que tinha como destino Campo Grande, partir. “Meu ônibus voltava para Campo Grande de noite, então à tarde nós passeamos pela Avenida Paulista, aproveitamos. Foi com ela saindo do apartamento dela que aconteceu. Ela foi agradecer por eu estar lá, aí foi me dar beijinho na bochecha, mas em Campo Grande só se dá um, então ela me deu um, dois, e quando ia dar o terceiro eu dei um beijo nela”.

Mesmo com a distância, um amor surgiu ali, e os dois começaram a se falar diariamente pelo Skype, com videochamadas virando uma rotina entre os dois. Foi somente em janeiro de 2009, quando Lucila visitou Campo Grande que os dois definiram a data oficial do início do namoro.

Em 2010 os dois começaram a viver juntos, e não muito tempo depois, em 2012, os dois se casaram. A cerimônia, realizada em uma praia, homenageou a data tão amada por eles, que deu início à história dos dois.

Casamento dos dois homenageou a festa que plantou a semente que viria mais tarde a se tornar o amor dos dois - Foto: Arquivo Pessoal

Com um mini-trio elétrico, inspirado no utilizado pela banda Asa de Águia e até mesmo sonorizado, o casamento contou até com pulseira de Carnaval como lembrancinha para os convidados. “Foi essa paixão que temos pela música, pela folia, que deu nisso”, comentou Lucila.

A história dos dois começou, há quase 20 anos, com um bloco em Salvador e mostra que sim, amor de Carnaval realmente dura, mesmo que às vezes comece como uma amizade.

 

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homenagem ao Joca
Comportamento
Após morte de Golden, Capital terá manifestação em prol dos pets neste domingo
Ayrton Senna usou Honda NSX durante suas estadias em Portugal no início dos anos de 1990
Comportamento
Sonho de um fã! Honda de Ayrton Senna está à venda por R$ 3,1 milhões
Lideranças indígenas
Comportamento
Lideranças indígenas pedem demarcação de terra e respeito no Acampamento Terra Livre
Aeroporto
Comportamento
Brasil bate recorde de turistas em março
Número de demissões por justa causa aumentou
Comportamento
Número de demissões por justa causa aumentam no Brasil, aponta levantamento
Caramelo e Stivizinha
Comportamento
JD1TV: Animais de rua viram 'cãopanheiros' de serviço em atacadista e base da GCM da Capital
O evento reúne mais de 25 expositores, chopp artesanal e programação musical
Comportamento
'Torresmo Fest' volta a Campo Grande em junho
Advogado Octávio Augusto de Oliveira, de 29 anos
Comportamento
Paixão pela corrida une três gerações de uma família em campeonatos da Capital
Henrique ganha festa de aniversário suspresa
Comportamento
Surpresa! Paciente da Santa Casa ganha festa de aniversário da equipe hospitalar
Sósia do Lula em Campo Grande
Comportamento
Sósia do Lula faz sucesso em evento presidencial na Capital; assista

Mais Lidas

AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Polícia
AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Capitão Leonardo Mense partiu durante a noite de sábado (21)
Polícia
'Imenso legado': Capitão Mense é homenageado por autoridades e instituições de MS
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Justiça
MPMS investiga fraude em concurso da prefeitura de Sonora e recomenda suspensão
"Eu não tenho dúvida que o Beto Pereira terá capacidade, se eleito for, de fazer as grandes transformações e reformas que Campo Grande precisa", enfatiza ex-governador.
Política
JD1TV: Reinaldo diz que problemas locais "pesarão mais" que Bolsonaro