Menu
Busca quarta, 19 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

'Fui preso por vadiagem', diz Ney Matogrosso, que vive bandido no cinema

11 maio 2012 - 10h59Eduardo Knapp/Folhapress

Ney Matogrosso se consagrou primeiro como cantor, especialmente com a banda Secos & Molhados (1971-1974) e a posterior carreira solo. Mas desta vez o músico chega às telas de cinema de São Paulo para interpretar o famoso criminoso brasileiro João Acácio Pereira da Costa, mais conhecido como o Bandido da Luz Vermelha. "Luz nas Trevas - A Volta do Bandido da Luz Vermelha" entra em cartaz nesta sexta-feira (11).

E, de alguma forma, Ney se identifica com o personagem. "Eu fui preso no Rio de Janeiro uma vez por vadiagem, porque eu não tinha dinheiro no meu bolso. A polícia queria era dinheiro e eu não tinha", conta. "Foi horrível, porque eu passei a noite sendo ameaçado pelo delegado de plantão, dizendo que ia me jogar pros presos fazerem de mim o que quisessem", completa o artista.

Ney encarna o protagonista que, em "O Bandido da Luz Vermelha" (1968), ergueu o cinema marginal brasileiro. O diretor Rogério Sganzerla (1946-2004) deixou um roteiro com uma espécie de continuação da história, retomado por sua mulher Helena Ignez, que fez o convite ao ícone da música nacional.

"Na verdade esse tipo de coisa [a construção do papel] a gente vai buscar é dentro da gente. Primeiro o fato de estar dentro de uma prisão, como era de verdade aquilo em que a gente estava. Eu acredito que as energias de quem passou por ali estão ali".

Mas essa não é a primeira vez que o cantor trabalha com cinema. Ele já participou de outras três produções e, depois de "Luz nas Trevas", já atuou em um curta chamado "Gosto de Céu", de Beto Bezan, além de uma participação no último filme de Domingos de Oliveira, ainda em finalização, "Primeiro Dia de um Ano Qualquer".

Assista ao trailer de "Luz nas Trevas".

Via Folha

Prefeitura prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Thiago Brava e Breno Reis e Marco Viola animam Arraial deste sábado
Cultura
Aos 96 anos, morre o cineasta Franco Zeffirelli
Cultura
Trajetória de luta e superação de professora vira livro
Cultura
Lenine é atração do último dia do Festival de Inverno de Bonito
Cultura
Dado e Bonfá daqui a pouco ao vivo, no Bosque Expo
Cultura
MEC destina R$ 900 mil para a reconstrução de museu incendiado
Cidade
Top Circo estreia na Vila Nasser
Cultura
Artistas sul-mato-grossenses produzem o Calendário Permanente
Cultura
Programação Infantil do Sesc tem oficina de arte
Cultura
JD1 leva você e o "crush" para uma diária no Hotel Deville

Mais Lidas

Cidade
Campo-grandenses se unem e ajudam família que caiu em golpe da falsa encomenda
Internacional
Vídeo mostra mulher despencando de brinquedo em parque de diversões
Cidade
Sem qualquer indicativo de velocidade, radar funciona desde março
Brasil
Menino é assaltado enquanto vendia doces na rua e internautas se comovem