Menu
Busca domingo, 20 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Governo vitimas
Economia

Governo estuda congelar salário mínimo temporariamente

Medida poderia render economia em torno de R$ 36 bilhões

17 setembro 2019 - 12h55Vitória Ribeiro

Liderada pelo Ministro Paulo Guedes, a equipe econômica do Governo Federal estuda retirar da Constituição Federal a previsão de que o salário mínimo seja ajustado pela inflação. Com a medida, o salário mínimo permanecerá congelado por algum período.

A justificativa é a de que, em momento de grave desequilíbrio fiscal, como o atual, seja necessário que o piso nacional não seja alterado temporariamente. De acordo com os parlamentares e fontes da equipe econômica, esse congelamento poderia render uma economia em torno de R$ 36 milhões.

A Constituição atualmente prevê que é direito do cidadão ter acesso a um salário mínimo "com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo". Assim, o governo se vê obrigado a, todos os anos, recompor ao menos a inflação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Logen crítica projeto da Aneel para taxar o Sol
Economia
Longen anuncia recursos para fomentar economia do MS
Economia
IRPF: 330 mil contribuintes receberão cartas da Receita Federal
Economia
Cartão PNAE é lançado para escolas públicas comprarem merenda
Economia
Com pré-sal e Lei Kandir, Reinaldo quer potencializar investimentos
Economia
MS acumula US$ 2,2 bilhões em balança comercial de janeiro a setembro
Economia
Receita paga nesta terça-feira restituições do 5º lote do IR 2019
Economia
Governo confirma desbloqueio extra de R$7,3 bi no orçamento
Economia
Vagas temporárias de emprego para o Natal terão maior oferta dos últimos seis anos
Economia
Caixa "rouba" 7 bilhões ao ano para cuidar de FGTS, denuncia Maia

Mais Lidas

Geral
Violeiro Ivo de Souza morre em acidente na BR-163
Brasil
Três militares do Corpo de Bombeiros morreram enquanto tentavam combater incêndio
Esportes
Na capital, Muricy crava Flamengo como campeão do Brasileirão
Polícia
Comerciante é executado na fronteira