Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Educação

Aulas na rede estadual começam no dia 18 de fevereiro

O ano escolar será iniciado no dia 11 de fevereiro onde os professores devem se reunir para preparar as escolas para a chegada dos alunos

09 janeiro 2019 - 11h57Da redação com assessoria

Os estudantes matriculados nas escolas da Rede Estadual de Ensino (REE) devem iniciar as aulas no dia 18 de fevereiro. A mudança  da data foi publicada na terça-feira (8), no Diário Oficial do Estado (DOE), por meio da Resolução/SED nº 3.550.

Com a alteração, a jornada pedagógica, que antecede o início do ano letivo e marca a abertura do ano escolar nas unidades da REE, passa para o dia 11 de fevereiro. Durante uma semana, professores estarão reunidos nas escolas antes de receber os estudantes.

Entre os pontos presentes na Resolução, os dias letivos e as datas estabelecidas pelo calendário escolar somente poderão ser alterados quando recaírem em feriados municipais, não previstos no calendário estadual. Principalmente no interior do estado, as mudanças de data deverão ocorrer em acordo com a redes municipais de ensino, com vistas a garantia do transporte escolar para os estudantes.

Ainda de acordo com a publicação, a intermediação do processo ficará à cargo das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) que definirão, em consonância com as redes, a operacionalização do calendário escolar.

A nova publicação do calendário escolar de 2019, na íntegra, pode ser encontrada na edição n. 9.815 do DOE, nas páginas 4 a 7.

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
Enem 2019 tem 6,3 milhões de inscritos
Educação
Inscrições para Enem e Vale Universidade encerram nesta sexta
Educação
Inep tem novo presidente
Educação
Enem já tem 5 milhões de inscritos
Educação
Congresso Internacional de História acontece em Aquidauana
Educação
Prazo para renovar contratos do Fies encerra nesta quarta
Educação
Vídeo - Estudantes da UFMS aderem a paralisação nacional em MS
Educação
Rose será sub-relatora em comissão que fiscalizará atuação do MEC
Educação
“É inadmissível cortar R$ 6 bilhões da educação”, diz Jaime Teixeira
Educação
Estudantes ocupam UFMS e denunciam corte de água e energia elétrica

Mais Lidas

Polícia
Ex-marido esfaqueia mulher em boate ao ver localização em rede social
Geral
Vídeo - Após mulher trocar senha do wi-fi, vizinhos apedrajam casa
Polícia
Homem toma arma de policial, troca tiros com outros e morre em telhado de casa
Internacional
Por engano, funcionário serve vinho de 5.100 euros a clientes