Menu
Busca domingo, 21 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Esportes

Dirigente do Comercial “detona” calendário e verba de TV

"Não adianta as equipes disputarem o campeonato em janeiro, fevereiro e março e ficarem o resto do ano paradas”

17 janeiro 2019 - 19h02Marcos Tenório

No próximo sábado é a estreia do Esporte Clube Comercial no Campeonato Sul-mato-grossense de Futebol, a equipe enfrenta a Serc, de Chapadão do Sul.

De acordo com o presidente Valter Mangini, “o comercial entra sempre para ser campeão”, pois o nível dos jogadores que foram contratados não dá para pensar diferente. Ao todo serão 30 jogadores que farão parte do plantel, 22 contratados e oito garotos da base serão utilizados na competição estadual.

 Mangini se lembrou da eliminação da equipe no ano passado para o Corumbaense e criticou a forma como foi eliminado “um regulamento besta”, pois classificamos em segundo no grupo e o Carijó em terceiro no seu grupo, mas com um ponto a menos, e depois de dois empates o Colorado saiu competição. Aliviado Mangini diz que “esse ano não tem esse regulamento”.

O presidente também falou da dificuldade financeira pela qual o clube passa, e lembrou a média de público do campeonato passado, “foram 280 pagantes, exceto os jogos contra o Corumbaense e Operário, mas fora disso não dá 300 pagantes”.

Valter Mangini comentou a demorada para a liberação do estádio Morenão pelo Ministério Público, algo que acontece todos os anos e não sabe o motivo que da demora, mas isso “acaba desgastando o torcedor, que não sabe se vai ou não ao estádio”.

“O calendário estadual tem que ser nosso, não tem que acompanhar calendário brasileiro, pois não adianta as equipes disputarem o campeonato em janeiro, fevereiro e março e ficarem o resto do ano paradas”, afirma Mangini, que não está contente com a verba que é paga para o clube pela televisão “é muito pouco, ela [tv] paga R$ 15 mil pelo campeonato todo para cada clube”, algo que segundo o presidente, “não paga um jogo no Morenão”.

O dirigente questiona qual a necessidade de jogar quarta, sábado e quarta novamente, para daqui dois meses não ter campeonato. "Esse formato é para grandes times que estão em várias competições, não para quem disputa um campeonato único", detona o dirigente.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Aquidauanense e Águia Negra jogam final de campeonato em MS
Esportes
Vasco e Flamengo se enfrentam no Maracanã
Esportes
Corinthians e São Paulo disputam a final do Paulista
Esportes
Taekwondo do MS tenta vaga para mundial da Hungria no DF
Esportes
Durante discurso, prefeito de Aquidauana menospreza Águia Negra
Esportes
Definidos os jogos da quarta fase da Copa do Brasil
Esportes
Final inédita entre Águia Negra e Aquidauanense agita o interior
Esportes
Corinthians ameaça não entrar em campo se ônibus for alvejado no Morumbi
Esportes
Veja - Diversas atividades esportivas estão disponíveis no Sesc
Esportes
Palmeiras entra em campo pressionado após eliminação para rival

Mais Lidas

Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Geral
Meningite mata jornalista conhecido em MS
Polícia
De "braços abertos", indígena é atropelada em rodovia