Menu
Busca domingo, 24 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo Futebol
Esportes

Em treino marcado por grave acidente, Vettel crava a sua quinta pole no ano

28 maio 2011 - 11h11Arquivo

Em uma dia que os acidentes atrapalharam a programação de Monte Carlo, com o mexicano Sergio Perez tendo de ser levado para um hospital, o alemão Sebastian Vettel conquistou a sua quinta pole position da temporada para o Grande Prêmio de Mônaco.

Um dos destaques do treino de classificação, o mexicano Sergio Perez acabou passando direto na chicane e bateu fortemente contra o softwall após a saída do túnel. A sessão teve de ser interrompida quando faltavam 2min26 e o piloto foi levado para um hospital após recuperar a consciência e reclamar de dores na perna.

Antes da interrupção, Vettel registrou a melhor volta com 1min13s556 e superou o inglês Jenson Button, que terminou em segundo com o tempo de 1min13s997. O brasileiro Felipe Massa terminou com o sexto tempo depois, sem a chance de fazer uma nova volta rápida depois do acidente de Perez, que ficou com o décimo tempo, mas ainda não se sabe se poderá correr no domingo.

Lewis Hamilton foi o principal prejudicado pelo acidente. Sem ter registrado tempo anteriormente, o inglês precisou arriscar uma volta rápida e fez apenas o sétimo tempo.

Depois da melhora de desempenho nos treinos livres em Mônaco em relação às etapas anteriores, a Ferrari voltou a brigar pelas primeiras posições, mas novamente foi superada pelos pilotos da Red Bull e por Jenson Button, da McLaren.

Andando bem desde a sessão livre, o alemão Michael Schumacher chegou a deixar o carro da Mercedes na liderança, mas logo foi superado e viu Sebastian Vettel tomar a dianteira.

O brasileiro Rubens Barrichello chegou a andar entre os dez primeiros durante o Q2, mas no final do período falhou na tentativa de volta rápida e ficou com o 12º tempo, sendo superado pelo seu companheiro de equipe, o venezuelano Pastor Maldonado, que colocou o carro da Williams no Q3.

“Os dois carros estão com asas traseiras diferentes, a minha tem um pouco menos de classificação e mais de corrida. A gente precisa ter o carro da melhor forma possível para a corrida”, afirmou Barrichello à TV Globo.

A equipe Mercedes impressionou com o trabalho para deixar o carro de Nico Rosberg pronto para o treino oficial depois de um forte acidente na última sessão livre.

Os dois carros da equipe Hispania não foram para a pista no treino oficial. No caso de Vitantonio Liuzzi, o acidente sofrido na última sessão livre prejudicou seu carro, enquanto explicações não foram dadas pelo fato de Narain Karthikeyan também ficar fora.

Ainda neste sábado os comissários devem decidir se a equipe poderá correr. Neste ano a escuderia ficou fora do GP da Austrália por não alcançar o tempo suficiente, ficando 107% acima do permitido.

senar janeiro21

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Zidane é diagnosticado com o novo covid-19, diz Real Madrid
Esportes
Futuro presidente da Federação de Tênis do MS depende de decisão judicial
Esportes
Inter vence São Paulo no Morumbi e volta à liderança do Brasileiro
Esportes
Verdão faz 4 a 0, humilha Corinthians e fica a 6 pontos do líder São Paulo
Esportes
Finalista da Libertadores, Santos duela com Botafogo em crise no Brasileiro
Esportes
COVID: Hernanes testa positivo e desfalca São Paulo contra Athletico
Esportes
Após nova condenação, Santos planeja rescisão de contrato com Robinho
Esportes
Palmeiras e Grêmio abrem hoje a 30ª rodada do Brasileirão
Esportes
O jogador Marcel Sabitzer tem contratação disputada por Arsenal e Tottenham
Esportes
Palmeiras decide a Copa do Brasil contra o Grêmio em casa

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio