Menu
Busca terça, 26 de março de 2019
(67) 99647-9098
TJMS março-19
Esportes

Em treino marcado por grave acidente, Vettel crava a sua quinta pole no ano

28 maio 2011 - 11h11Arquivo

Em uma dia que os acidentes atrapalharam a programação de Monte Carlo, com o mexicano Sergio Perez tendo de ser levado para um hospital, o alemão Sebastian Vettel conquistou a sua quinta pole position da temporada para o Grande Prêmio de Mônaco.

Um dos destaques do treino de classificação, o mexicano Sergio Perez acabou passando direto na chicane e bateu fortemente contra o softwall após a saída do túnel. A sessão teve de ser interrompida quando faltavam 2min26 e o piloto foi levado para um hospital após recuperar a consciência e reclamar de dores na perna.

Antes da interrupção, Vettel registrou a melhor volta com 1min13s556 e superou o inglês Jenson Button, que terminou em segundo com o tempo de 1min13s997. O brasileiro Felipe Massa terminou com o sexto tempo depois, sem a chance de fazer uma nova volta rápida depois do acidente de Perez, que ficou com o décimo tempo, mas ainda não se sabe se poderá correr no domingo.

Lewis Hamilton foi o principal prejudicado pelo acidente. Sem ter registrado tempo anteriormente, o inglês precisou arriscar uma volta rápida e fez apenas o sétimo tempo.

Depois da melhora de desempenho nos treinos livres em Mônaco em relação às etapas anteriores, a Ferrari voltou a brigar pelas primeiras posições, mas novamente foi superada pelos pilotos da Red Bull e por Jenson Button, da McLaren.

Andando bem desde a sessão livre, o alemão Michael Schumacher chegou a deixar o carro da Mercedes na liderança, mas logo foi superado e viu Sebastian Vettel tomar a dianteira.

O brasileiro Rubens Barrichello chegou a andar entre os dez primeiros durante o Q2, mas no final do período falhou na tentativa de volta rápida e ficou com o 12º tempo, sendo superado pelo seu companheiro de equipe, o venezuelano Pastor Maldonado, que colocou o carro da Williams no Q3.

“Os dois carros estão com asas traseiras diferentes, a minha tem um pouco menos de classificação e mais de corrida. A gente precisa ter o carro da melhor forma possível para a corrida”, afirmou Barrichello à TV Globo.

A equipe Mercedes impressionou com o trabalho para deixar o carro de Nico Rosberg pronto para o treino oficial depois de um forte acidente na última sessão livre.

Os dois carros da equipe Hispania não foram para a pista no treino oficial. No caso de Vitantonio Liuzzi, o acidente sofrido na última sessão livre prejudicou seu carro, enquanto explicações não foram dadas pelo fato de Narain Karthikeyan também ficar fora.

Ainda neste sábado os comissários devem decidir se a equipe poderá correr. Neste ano a escuderia ficou fora do GP da Austrália por não alcançar o tempo suficiente, ficando 107% acima do permitido.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Funesp abre vagas para oficinas do "Projeto Futuro Paralímpico"
Cidade
Moradores do bairro Cidade Jardim ganham academia ao ar livre
Esportes
Bungee jumping no Parque das Nações vai até às 17 horas
Esportes
Casemiro será o capitão do Brasil contra o Panamá
Esportes
Goleiro ajoelha para ser entrevistado por repórter deficiente
Esportes
Reinaldo defende esporte como ferramenta social
Esportes
Governador abre Fórum de Esporte em Campo Grande
Esportes
Definidas as datas e horários das quartas de final do Paulistão
Esportes
Taça do Mundial volta a ser penhorada após Corinthians perder recurso
Esportes
Felipe Melo pede amistoso contra russo acusado de injúria racial contra brasileiro

Mais Lidas

Geral
Cantor sertanejo morre em acidente na BR-163
Polícia
Corpo sem cabeça é encontrado em estado de decomposição
Geral
Motociclista morre após colidir com carreta
Geral
Homem morre após cair de bicicleta na rua