Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo coronavirus 03
Esportes

Massa atribui choro em pódio a 'porradas' e diz que pensou em parar

27 novembro 2012 - 10h09AP

Título de Sebastian Vettel. Semblante amarrado de Fernando Alonso. Mas o grande momento do pódio em Interlagos no último domingo ocorreu com Felipe Massa. O choro do piloto brasileiro chamou a atenção, e surpreendeu. Nesta segunda-feira, em entrevista ao Sportv, ele justificou o comportamento inédito: desabafo contra todas as dificuldades dos últimos anos. "Nunca me vi nessa situação. Não lembro de chorar dessa maneira. Desde a hora que saí do carro, não parava de chorar, não entendia que estava acontecendo", disse.

"Não sei, veio de tudo... mas não foi só o pódio. Aquele choro era mais pelas dificuldades do que pelas alegrias. É muita porrada, cheguei até a pensar em certo momento: será que ainda sirvo para isso? Na hora, fazendo a volta e indo pro boxe, estava normal. Fui dar parabéns pro Vettel, estava curtindo, mas na hora que desci pro carro e vi a arquibancada gritando meu nome, minha família, meus amigos, meus mecânicos, todo mundo emocionado, ali eu cai", completou Massa.

Via Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
SBT transmitirá final do Carioca entre Flamengo e Fluminense
Esportes
Eliminatórias sul-americanas para Copa de 2022 é adiada para outubro
Esportes
Conmebol anuncia retorno da Libertadores para 15 de setembro
Esportes
Botafogo de Ribeirão vê ilegalidade na volta do Campeonato Paulista
Esportes
Live: Rodeio sem público começa nesta quinta em Chapadão do Sul
Esportes
Fluminense supera Flamengo e conquista Taça Rio
Esportes
Governo de SP autoriza volta do jogos de futebol em 22 de julho
Esportes
Veja onde assistir Fluminense x Flamengo de graça
Esportes
Campo Grande sediará a Liga das Nações que foi adiada para 2021
Esportes
Fluminense perde para o Volta Redonda na reestreia de Fred

Mais Lidas

Brasil
“Bêbada de Curitiba” morre após luta contra o câncer
Brasil
Famoso por velar a mãe sozinho, José morre queimado
Geral
Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho
Polícia
MP é contrário a liberdade de jovem que matou namorada em acidente