Menu
Busca terça, 31 de março de 2020
(67) 99647-9098
TJMS topo
Geral

Dentistas podem identificar sinais de violência infantil

Cirurgiões dentistas quando identificar sinais de violência infantil devem denunciar

15 julho 2019 - 13h20Sarah Chaves, com informações da assessoria

O Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) orienta sobre como identificar e denunciar casos de maus tratos sofridos por pacientes menores de idade, pois a maioria das agressões físicas acontecem na face, na cabeça e no pescoço, os cirurgiões dentistas devem estar atentos para identificar os sinais de maus tratos em todos os pacientes.

Sinais como contusões e lacerações de lábios, dentes fraturados, luxação dentária, queimaduras na gengiva, equimoses em bochechas, infecções na boca como sífilis, gonorreia, entre outros, são recorrentes em menores que sofrem maus-tratos, ferimentos em outras partes do corpo próximas a boca, como olhos, nariz e orelhas, também podem ser indicativos de violência.

A presidente da Câmara Técnica de Odontologia Legal, Soraya Monteiro, alerta que também deve se prestar atenção no lado psicológico, “crianças e adolescentes extremamente irritadas, retraídas ou introspectivas demais podem ser um alerta, é importante conhecer a personalidade do seu paciente para entendê-lo e observar qualquer indício que não seja normal”, aconselha.

Por isso, durante o atendimento, o profissional deve mostrar preocupação em ajudar, demonstrar entender suas angústias e medos. Esses gestos facilitam estabelecer um vínculo de confiança, ao criar esse relacionamento com o paciente menor, o profissional dentista poderá colher mais informações sobre os possíveis maus tratos.

Saiba como denunciar

Em suspeita ou confirmação de maus tratos, o profissional deve comunicar ao Disque Denúncia Nacional, por meio do número 100, na denúncia, não é necessário apresentar provas e o sigilo é garantido, informar a suspeita ao Conselho Tutelar da Criança e Adolescente do município ou à autoridade policial também são formas de denúncia.

É importante ter em mente que é obrigatório denunciar casos de violência infantil às autoridades.

 

Assembleia - Mais ALEMS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Coronel David ganha no TRE e pode mudar de partido sem punição
Geral
Riedel diz que Estado não vai abrir mão do equilíbrio
Geral
Vídeo - Estado atualiza casos de coronavírus
Geral
Associação pede isenção de IPVA para motoristas de aplicativos
Geral
Médico e filho de vereador, ataca Marquinhos em vídeo e depois se desculpa
Geral
Vídeo - “Saidinha" de Bolsonaro tem gritos de isolamento e apoio a Mandetta
Geral
Governo obtém do STF aval para adotar medidas contra o coronavírus
Geral
Após pagamento, licenciamento de veículo será entregue em casa, mas com atraso
Geral
Queimadas aumentam 133% em março deste ano
Geral
Confira a lista de ganhadores do Nota MS Premiada

Mais Lidas

Brasil
Senado aprova projeto que prevê R$ 600 mensais a trabalhadores informais
Política
TJMS destina R$ 570 mil no combate ao coronavírus
Política
Após tratamento do coronavírus, Nelsinho participa de votação remota
Geral
Coronel David ganha no TRE e pode mudar de partido sem punição