Menu
Busca quinta, 21 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo Futebol
Geral

Educação abre escolas em 1º de fevereiro com 4.876 professores

31 janeiro 2012 - 10h24Denilson Secreta

As 92 escolas municipais abrirão suas portas na próxima quarta-feira, dia 1° de fevereiro, para receber os 4.576 professores do quadro efetivo e os 300 concursados que foram convocados neste mês, cuja posse e a designação nas escolas onde atuarão serão concluídas até o final de janeiro

Neste período de atividade interna, os professores se dedicarão ao planejamento das suas atividades pedagógicas e no dia 9 estarão preparados para receber os mais de 96 mil alunos da Rede Municipal de Ensino. Como a secretaria municipal de Educação resolveu ampliar de cinco para oito dias este treinamento, o início das aulas foi adiado do dia 6, segunda-feira para dia 9, uma quinta-feira. Segundo a secretária Maria Cecília Amendola da Motta, não haverá nenhum prejuízo para os alunos.

O calendário do ano letivo reserva 18 dias para atividades de planejamento. Estão sendo antecipados três dias para a primeira semana de fevereiro e, ao longo de 2012, esses três dias de aula serão ministrados nas datas reservadas originalmente ao trabalho pedagógico. A secretária informa que a decisão de reforçar a preparação dos professores no início do ano letivo foi motivada pela convocação de 300 aprovados (o correspondente a 6,5% do quadro efetivo), nos concursos de 2007 e 2009.

Outra motivação para ampliar esta fase inicial de contato dos professores com a realidade da escola é que a partir deste ano letivo a prefeitura vai ampliar a oferta da educação infantil na rede municipal, oferecendo 157 turmas de pré-escola 1 (para crianças de quatro anos) e 180 de pré-2 (crianças com cinco anos), se antecipando ao determinado pela emenda constitucional 59, que dá prazo até 2016 para as prefeituras oferecerem a pré-escola.

Nos últimos seis anos, com o apoio da prefeitura, o número de professores com pós-graduação passou de 844 para 2.991. Maria Cécilia atribui a este investimento na qualificação dos professores a melhoria dos indicadores educacionais da Reme, que segundo o IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) tem hoje o menor índice de evasão escolar do País. Em 2005, a taxa de evasão era de 7,62%,; em 2011 caiu para 2,85%. A reprovação saiu de 15,15% para 5,77% e a aprovação saltou de 76,47% para 91,4%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Lula teve covid, fez isolamento em Cuba e diz estar "preparado para a vacina"
Geral
CMO lamenta morte de general vítima da covid
Geral
Vídeo: Ana Maria Braga inova penteado e ganha elogio "estilo Lady Gaga"
Geral
Governo de MS amplia ações em saúde voltadas para população LGBT
Geral
"Sou a favor da vacina", afirma Luciano Hang antes de receber alta médica
Geral
Cartão do SUS digital agiliza atendimento para vacinação contra Covid-19
Geral
Termina amanhã prazo para fazer inscrição no Encceja
Geral
Com chuvas intensas, níveis dos rios aumentam e põe Defesa Civil em alerta
Geral
Cuidado: Homem finge ser fiscal para entrar em residências da capital
Geral
Covid - Morre o ex-deputado Humberto Teixeira

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio