Menu
Busca sexta, 19 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Militares de MS oficializam união de associações

O trabalho em conjunto visa tratar de pautas pertinentes aos associados com “mais força” e resultados

15 abril 2019 - 09h15Rayani Santa Cruz com assessoria

As diretorias e integrantes de sete entidades de militares estaduais de Mato Grosso do Sul formalizaram, em reunião na sexta-feira (12), no Auditório da Cassems, a criação da União das Associações de Militares Estaduais de Mato Grosso do Sul. Com isso, a nova entidade vai representar todos os militares estaduais nas demandas dos integrantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, junto aos órgãos competentes, tanto de âmbito estadual, como Governo do Estado e Assembleia Legislativa; como em âmbito do governo federal e Congresso Nacional, além das reivindicações próprias das categorias poderem ser apresentadas e discutidas em uma única representação.

As pautas tidas como prioridades dos militares são: a publicação das promoções, a continuidade dos concursos, a realização dos cursos e aumento de salários.

O coronel Alírio, afirmou ser um momento histórico para os integrantes das duas corporações que poderão traçar um novo cenário para a representatividade classista dos militares estaduais. “Entendo que, para ser líder classista é necessário um ato de coragem e ousadia e, mesmo adotando o diálogo como maior ferramenta, sabemos ser combativos, aguerridos, incisivos e contundentes, quando a situação exige e, por ser um homem que acredita no MS e no Brasil, enfatizo que está definitivamente decretada a união entre praças e oficiais no Mato Grosso do Sul”, concluiu o presidente da AOF-MS.

Fernando Ferrer destacou que a união é necessária, por melhores resultados diante de buscas pelas demandas.

O coronel Frederico destacou o ato como simbólico, a busca do bem comum, com o fortalecimento da categoria e das instituições. “Temos que espalhar isso, levar ao conhecimento de nossos militares estaduais essa união de praças e oficiais pelo fortalecimento para uma nova luta”, concluiu o presidente da AOBM-MS.

O cabo Mário Sérgio Couto, diz que ideias na mesma proporção, são uma forma de demonstrar força e sensibilizar o Executivo pelas demandas e defendeu a manutenção do abono de R$ 200,00 na folha dos servidores militares, que pode ser suspenso em maio. “Vamos defender juntos esse abono, para que nossas famílias não percam esse benefício, que faz muita diferença no fim do mês”, afirmou o presidente da ACSPMBM-MS.

O vice-presidente da AME-MS Vanderlei Roberto Lorensetti, afirmou que a formalização da União de Associações é um sonho que começa a ser concretizado, um primeiro passo para a federação de associações.

O presidente da Aspra-MS, cabo Ferreira afirmou a ideia é que o trabalho não seja fragmentado. “Era urgente a união das associações para atuar nas pautas comuns a todos e obter o melhor para a tropa”, concluiu.

Também participou da reunião o advogado Paulo Doreto, presidente da Comissão de Direito Militar da OAB-MS, que destacou a união como importante elo para todas as instituições, que devem trabalhar pela conquista de mais associados e de seu fortalecimento.

Participaram do ato de oficialização da União das Associações de Militares Estaduais do MS o coronel PM Alírio Villasanti Romero, presidente da Associação dos Oficiais Militares Estaduais do MS (AOF-MS); o coronel BM Frederico Reis, presidente da Associação de Oficiais Bombeiros Militares do MS; o tenente PM Vanderlei Roberto Lorensetti, vice-presidente da Associação dos Militares Estaduais do MS (AME-MS); o cabo Eduardo Ferreira, presidente da Associação dos Praças da Polícia Militar e Bombeiro Militar do MS (Aspra-MS); subtenente BM Fernando Ferrer, da Associação dos Praças Bombeiro Militar do MS (APBM-MS), e cabo Mário Sérgio Couto, presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar do MS (ACSPMBM-MS), de além integrantes das associações que formam a nova entidade, como a Associação Beneficente dos Subtenentes, Sargentos e Oficiais Policiais e Bombeiros Militares do Estado de Mato Grosso do Sul (ABSS-MS).

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária
Geral
Unesul, São Luiz e Eucatur são autuadas por não concederem gratuidade a idosos
Geral
Ministério divulga regras para policiamento comunitário
Geral
PRF inicia a "Operação Semana Santa" nas rodovias federais de MS
Geral
Siqueira contesta financiamento para beneficiar caminhoneiros
Geral
Fiems apresenta projeto e firma parceria com Prefeitura de Ponta Porã
Geral
Guarda Metropolitana atua em esquema especial para evitar "massacres"
Geral
“Ponto de equilíbrio da democracia brasileira”, diz Reinaldo sobre o Exército
Geral
Vídeo - Em encontro sustentável, secretário de Marquinhos cai de patinete
Geral
Curso grátis de fotografia é aberto no MIS

Mais Lidas

Polícia
Empresário e funcionário morrem eletrocutados durante trabalho
Justiça
Julgamento de juiz é adiado
Polícia
Motorista é encontrado morto com 14 facadas
Justiça
Ação penal contra Puccinelli é suspensa pelo TRF3