Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo dengue 03 - tarde demais
Geral

Obra na Júlio de Castilho deve ser concluída em 45 dias

14 março 2012 - 11h59Casimiro Silva

As obras de revitalização da avenida Júlio de Castilho, entre a rua Presidente Vargas e a rua dos Crisântemos, que incluem rede de drenagem, recapeamento, reconstrução de calçada e implantação de iluminação pública no canteiro central com fiação subterrânea devem ser concluídas em 45 dias, de acordo com a prefeitura municipal de Campo Grande.

A implantação da drenagem, conforme os técnicos da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação, visa solucionar os problemas de escoamento que hoje provocam alagamentos nos bairros Santo Antonio e Jardim Imá em função da enxurrada que desce do bairro Santo Amaro.

Segundo o secretário de Infraestrutura, João Antonio De Marco, o projeto de revitalização da Júlio de Castilho prevê a implantação de quatro quilômetros de rede de drenagem, além do recapeamento de 13 quilômetros de vias, incluindo 6,8 quilômetros em toda a extensão da avenida e 9,7 quilômetros nas ruas adjacentes.

O recapeamento e a drenagem foram feitos no trecho entre as avenidas Duque de Caxias e Capibaribe, além de vias de acesso ao Santo Amaro. Depois da conclusão destas obras iniciadas hoje, a próxima etapa será entre a rua Crisântemos e a avenida Aero Clube. A etapa seguinte prevista, entre a Capibaribe e a Presidente Vargas, depende da remoção da rede de energia elétrica pela concessionária do serviço.

As intervenções na avenida Júlio de Castilho vão exigir um investimento de R$ 18.364.888,59, 95% dos recursos provenientes do Pró-Transporte e 5% do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O projeto desenvolvido pela Unidade de Programas e Projetos Especiais da Prefeitura prevê intervenções que vão desde a criação de duas faixas de rolamento, incluindo faixa preferencial para o transporte público e a implantação de canteiros centrais e manutenção de canteiros existentes. Acabam as conversões à esquerda com a via recebendo laços de quadra.

Com o fim das rotatórias, terá 17 conjuntos semafóricos sincronizados com a chamada onda verde. Com a revitalização, a Júlio de Castilho passará a contar com soluções de acessibilidade com a execução de 13,6 quilômetros de calçadas com piso tátil e organização visual ao longo das calçadas, por meio de paginação personalizada de faixa de dois metros, distribuição de mobiliário e rebaixamentos de meio-fio com rampas nas travessias e pontos de ônibus padronizados. Serão instalados 38 abrigos em paradas de ônibus.

No aspecto paisagístico, a via passará por mudança na iluminação, reestruturação de duas praças e criação de 10 largos com áreas sombreadas para descanso. A via receberá uma nova arborização, com o plantio de mudas de árvores ao longo de toda a avenida.

Trânsito interditado

Desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (14), foi interditado o trânsito no trecho em obras. Segundo a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), há algumas opções de desvio. Quem segue sentido centro - bairro tem duas rotas alternativas: na primeira, vira à direita na avenida dos Crisântemos, rua dos Narcisos e avenida Presidente Vargas. Outra opção é avenida Aeroclube, rua Fernando de Noronha e avenida Presidente Vargas.

Para os condutores que trafegam sentido bairro-centro, as opções são: conversão à direita na Presidente Vargas, ruas São Bernardo e dos Andradas. A segunda rota é virar na Presidente Vargas e depois seguir na Duque de Caxias. Agentes de trânsito devem permanecer na região para controlar o tráfego dos veículos.

informações com assessoria

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Prefeitura multa Consórcio Guaicurus em R$ 12 milhões
Geral
Carnaval no Rio pode acontecer só em junho
Geral
Governo amplia prazo de redução de jornada e suspensões de contratos
Geral
Orro quer proibir atos públicos para evitar aglomerações
Geral
Aos 27 anos, Adalberto perde a luta contra o coronavírus
Geral
Saque de auxílio emergencial é liberado para beneficiários do 3º lote
Geral
Mãe pede leite, remédio ou dinheiro para salvar bebê com anomalia
Geral
Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho
Geral
Licenciamento de veículos pode ser emitido online
Geral
Blogueira de MS afirma estar com Covid-19 e faz “recebidos” de vitaminas

Mais Lidas

Política
Capital: Câmara testa plataforma de sessão remoto nesta quarta
Saúde
Justiça derruba liminar que obriga convênios a cobrirem o teste da Covid-19
Cidade
Com lockdown descartado, Abrasel quer restaurantes como atividade essencial
Internacional
Trump cita Brasil com grande problema na pandemia: “Não testa como nós”