Menu
Busca segunda, 22 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Sinal digital da TVE Cultura é lançado em Dourados

Emissora pública de MS apresentará mais de 150 horas de programação regional em ato que marca o desligamento do sinal analógico

04 dezembro 2018 - 12h00Da redação com assessoria

A TVE Cultura emissora pública de Mato Grosso do Sul lança nesta quarta-feira (5) em Dourados sua nova programação, composta por mais de 150 horas de produções regionais próprias e elaboradas por parceiros e que vai ao ar até 5 de abril de 2019. O evento, realizado na Associação Comercial e Empresarial de Dourados (Aced) também marca o desligamento do sinal analógico na segunda maior cidade do estado.

Atendendo ao marco regulatório da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o governador Reinaldo Azambuja, determinou a migração que foi antecipada e desde 14 de agosto o sistema digital da emissora está disponível na região do município, pelo canal 13.1. Nos últimos meses a TVE Cultura manteve a transmissão dos dois sinais- analógico e digital. Além disso, antecipou para agosto a meta na Grande Dourados, que recebeu os sinais analógico e digital da emissora.

“Quando você tem esses avanços tecnológicos, sai da TV analógica para a digital, além de melhorar a qualidade do sinal, também tem de levar ao usuário uma programação de qualidade”, afirmou Azambuja. O governador destacou que o processo de migração foi fruto de parceria entre a Fundação Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul (Fertel) e a Claro/Embratel, sem custos para a instituição pública, ao mesmo tempo que outros acordos com entidades da sociedade civil, como a TV Cultura de São Paulo, o Ministério Público e universidades também fortalecem o conteúdo veiculado pela emissora.

O conteúdo regional foi reforçado no processo de digitalização, trazendo produções da própria TVE, como o jornalístico Panorama MS, e destacando programas como o Giro do Esporte e atrações focadas na arte e cultura de Mato Grosso do Sul; bem como material veiculado atrás de parcerias. É o caso de Guateka: com direção de Thiago Rotta e as digitais da Plug Produções, a ficção de cinco episódios retrata justamente a região de Dourados na visão do Bro’s MCs, grupo de rap guarani-kaiowá que tem suas impressões sobre o cotidiano, incluindo a pobreza e os conflitos por terra, retratadas no audiovisual.

“A digitalização do sinal da TVE Cultura pode ser considerada um novo marco na história da Rádio e Televisão Educativa do Estado, comparável à sua criação em 1984, ao início da produção própria ou à interiorização, que será intensificada com a nova tecnologia. Em breve, chegaremos a mais 12 municípios no sistema digital, que dá mais qualidade às transmissões, e depois a mais de 24 milhões de lares na América do Sul, com as transmissões pelo satélite StarOne C2, levando o melhor de Mato Grosso do Sul a 70 milhões de pessoas”, destacou Bosco Martins, diretor-presidente da Fertel. 

“Agradecemos à presidente da Aced, a empresária Elizabeth Salomão, e ao tesoureiro Domingos Ventorini, por colaborar com esse evento que entrará para a história da radiodifusão estadual”, complementou. Durante o evento, serão apresentados os programas que compõem a nova grade da TVE Cultura.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Ex-estrela do programa Raul Gil comete suicídio
Cidade
Com suspeita de pneumonia, bebê é resgatado por helicóptero
Geral
Distritos de Jaraguari serão asfaltados nos próximos dias
Geral
Avianca cancela 50 voos em Campo Grande
Geral
TRE divulga gabarito do processo seletivo para estagiários de ensino médio
Geral
Mega acumula e poderá pagar R$ 90 milhões na quarta-feira
Geral
Seminário em memória às vítimas de acidente de trabalho acontece nesta segunda, na capital
Geral
Canal eletrônico de ouvidoria da Agepan completa um ano
Geral
Status de área livre de aftosa sem vacinação é oportunidade estratégica para MS
Geral
Páscoa pode ser farta até para quem tem restrições alimentares

Mais Lidas

Polícia
Casal morre em acidente na MS-164
Polícia
Jovem morre afogado em piscina do Corumbaense Futebol Clube
Saúde
Ibuprofeno e cetoprofeno podem agravar infecções
Geral
Mega acumula e poderá pagar R$ 90 milhões na quarta-feira