Menu
Busca quinta, 22 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Trecho da rua Ceará fica interditado das 7h às 16h

04 fevereiro 2011 - 10h13
Segundo informações da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) a Rua Ceará em Campo Grande, no trecho entre a rua Joaquim Murtinho e a avenida Ricardo Brandão, ficará interditado nesta sexta-feira (4), das 7h às 16h. A via deverá receber serviço de recapeamento. Para os motoristas que utilizam esta via, a opção viária passa a ser as ruas 15 de Novembro, Nova Era e Joaquim Murtinho. Segundo o supervisor de fiscalização da Agetran, Jeová Vitor, o objetivo esta sexta-feira é fazer o recapeamento da rua Etelvina Machado, a “alça” que dá acesso a avenida Ricardo Brandão. Ainda segundo o supervisor serão recapeados também o trecho da obra de captação de águas pluviais no local. No sábado (05), no período das 7h às 16h, a Agetran irá interditar o trecho da rua Ceará, sentido avenida Mato Grosso (Sul - Norte), entre a rua Joaquim Murtinho e avenida Ricardo Brandão para recapeamento. Fonte: Midia Max
Prefeitura - Niver CG

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Detran quer romper com empresa que desligou radares no estado
Geral
Reforma deve conter déficit previdenciário e melhorar a economia, diz advogado
Geral
Ex-delegado morre atropelado pelo próprio veículo
Geral
Município do MS ficará sem água na sexta-feira
Geral
Com salário de até R$ 2,6 mil prefeitura abre seleção para assistência social
Geral
Presidente da Anoreg apoia projeto habitacional no Hotel Campo Grande
Geral
Aeroporto da capital opera com um cancelamento
Geral
"Exitosa", diz Coronel David sobre ação com sequestrador morto
Geral
Servidor público comete suicídio com cinto
Geral
Veículo capota durante transporte de pacientes para hemodiálise

Mais Lidas

Brasil
Policial passa mal e morre no dia que soube que seria pai
Polícia
Vídeo - Helicóptero da PRF cai e piloto fica ferido
Geral
Com salário de até R$ 2,6 mil prefeitura abre seleção para assistência social
Polícia
Após invadir escola, adolescente ataca alunos com golpes de machado