Menu
Busca segunda, 18 de novembro de 2019
(67) 99647-9098
Justiça

Decisão polêmica atinge Sanesul em Dourados

Juiz acata pedido do MP-MS e impede renovação de contrato

10 setembro 2019 - 15h33Joilson Francelino, com informações da assessoria

O juiz José Domingues Filho, da 6ª Vara Cível, impediu a renovação do contrato da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul – Sanesul – com o município de Dourados, colocando em risco investimentos de R$ 109,5 milhões que estão em curso na segunda maior cidade do estado.

Para a Sanesul, a decisão cria situação de instabilidade econômico e financeira que causa preocupação para a empresa, colaboradores e fornecedores, além de ameaçar as obras em andamento e possibilitar o impedimento de uma eventual contratação de financiamento para novos investimentos que visam a ampliação dos sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário.

Desde 2015, a empresa já investiu R$ 241 milhões em Dourados. E o Plano de Investimentos prevê a aplicação de mais R$ 154,5 milhões integralmente na ampliação do sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário do município.

A Sanesul irá tomar as medidas legais para garantir a renovação da concessão. A Empresa de Saneamento informou, ainda, que desde o início do ano de 2019, vem tratando da renovação e que cumpriu com todos os aspectos legais.

A renovação foi discutida em audiência pública e uma lei autorizativa foi aprovada por unanimidade pelos vereadores de Dourados.

Athus Ingles

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Denúncias anônimas podem estabelecer procedimentos administrativos no MP
Justiça
STF suspende uso da Taxa Referencial
Justiça
STJ confirma decisão do TJ-MS, em ação de 39 anos
Justiça
Desembargador Ruy Celso mantém milicianos presos
Justiça
Crianças terão espaço especial para testemunhar em tribunais
Justiça
Slimes com bórax é proibido no MS
Justiça
Defesa quer que Name Filho volte para a capital
Justiça
MPMS denuncia suspeitos de assassinar servidora com barra de ferro
Justiça
Em nota, Odilon diz que TRF-3 está “apenas verificando a regularidade”
Justiça
CCJ aprova PEC que torna feminicídio crime imprescritível

Mais Lidas

Polícia
Jovem morre fuzilado e mulher é ferida por estilhaços
Polícia
Aos 84 anos, "vovó" é presa dirigindo bêbada após sair de baile
Polícia
Jovem motociclista morre após bater em meio-fio e ser arremessado em rio
Oportunidade
Funtrab oferece 944 vagas de emprego em todo o MS