Menu
Menu
Busca quarta, 22 de maio de 2024
TJMS Maio24
Justiça

Justiça de Campo Grande nega liberdade a dupla condenada por homicídio de empresário

Juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida determinou a manutenção da prisão dos réus durante a revisão das prisões, realizada a cada 90 dias

16 maio 2024 - 09h42Vinícius Santos

A 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande decidiu negar liberdade aos réus Igor Figueiro Rando e Marcelo Augusto da Costa Lima. Ambos foram condenados pelo homicídio de Ronaldo Nepomuceno Neves, proprietário de uma boate no Bairro Cabreúva, aos 48 anos.

A determinação de manter os réus presos foi feita pelo juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida durante a revisão das prisões, um procedimento padrão realizado a cada 90 dias.

O juiz baseou sua decisão no fato de que Igor Figueiro Rando e Marcelo Augusto da Costa Lima já foram condenados em julgamento ocorrido em 19 de março de 2024, resultando em uma pena total de 23 anos de prisão.

Recurso - Os réus interpuseram recurso ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS) contra a decisão condenatória. A defesa busca a anulação do julgamento realizado pelo Tribunal Popular do Júri. O caso agora será analisado por desembargadores do TJMS.

O crime ocorreu em 16 de setembro de 2020, tendo como vítima Ronaldo Nepomuceno Neves. Seu corpo foi encontrado parcialmente carbonizado ao lado de sua caminhonete Ford Ranger em uma estrada vicinal que dá acesso à Cachoeira do Ceuzinho.

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp e fique por dentro dos acontecimentos também pelo nosso grupo, acesse o convite.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sede do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul - TCE/MS
Justiça
TCE-MS suspende leilão de veículos em Paranaíba por indícios de irregularidades
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Interior
Prefeitura de Bandeirantes é multada em R$ 1 milhão por poluição ambiental
Produtor rural investigado por supressão de vegetação fecha acordo de R$ 10 mil com MPMS
Interior
Produtor rural investigado por supressão de vegetação fecha acordo de R$ 10 mil com MPMS
Juliano Ferro - Foto: Reprodução / Assessoria Prefeitura Municipal De Ivinhema
Interior
TCE-MS aplica multa a gestores de Ivinhema por 'infrações' em processo de licitação
Prefeita de Naviraí, Rhaiza Rejane Neme de Matos -
Interior
TCE multa prefeita e ex-gerente de saúde de Naviraí por irregularidades em licitação
A condenação se deu por lesão corporal leve e injúria estando em serviço
Justiça
Júri absolve pela 2ª vez acusado de matar homem por dívida de R$ 79 na Capital
Sergio Moro
Política
Tribunal Superior Eleitoral rejeita pedidos de cassação de Sérgio Moro
Deputada Carla Zambelli e o hacker Walter Delgatti
Justiça
STF torna Zambelli e Delgatti réus por invasão ao sistema do CNJ
Senador Sérgio Moro
Justiça
AO VIVO: TSE dá início a julgamento de Sérgio Moro
Ministro Alexandre de Moraes
Justiça
STF suspende lei que proibia linguagem neutra nas escolas

Mais Lidas

Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
Geral
Rapper morr3 após atirar na cabeç4 ao gravar vídeo; assista
O motociclista foi carbonizado durante a colisão
Polícia
Pneu estourado teria causado acidente que matou motociclista carbonizado na BR-163
Motociclista morreu ao ser carbonizado durante acidente
Polícia
JD1TV AGORA: Motociclista morre carbonizado em acidente na BR-163, em Campo Grande
Francisco Cezário é alvo de operação do Gaeco em Campo Grande
Polícia
Francisco Cezário é alvo de operação do Gaeco em Campo Grande