Menu
Menu
Busca quarta, 24 de abril de 2024
TJMS Abril24
Justiça

Justiça mantém preso homem que cometeu duplo homicídio por ciúmes em Campo Grande

Réu por matar Karolina Silva Pereira e Luan Roberto de Oliveira, por ciúmes, no Bairro Colibri II, em 30 de abril de 2023, Messias Cordeiro da Silva, de 25 anos, continuará preso preventivamente; A decisão foi do Juiz Carlos Alberto Garcete

26 fevereiro 2024 - 08h35Vinícius Santos

O Juiz Carlos Alberto Garcete, da 2ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, decidiu recentemente manter a prisão preventiva de Messias Cordeiro da Silva, de 25 anos, réu acusado de matar a ex-namorada Karolina Silva Pereira, 22, e Luan Roberto de Oliveira, amigo da vítima, 24, no Bairro Colibri II, em 30 de abril de 2023.

A decisão foi baseada na ação penal apresentada pelo Ministério Público Estadual, que imputa a Messias Cordeiro da Silva a prática de dois homicídios. Um dos crimes é qualificado como feminicídio, com motivação torpe e uso de recurso que dificultou a defesa contra Karolina Silva Pereira. O outro homicídio é qualificado pelo motivo torpe e recurso que dificultou a defesa contra Luan Roberto de Oliveira.

O acusado foi preso preventivamente em 1º de maio de 2023, com base nos fundamentos da garantia da ordem pública, aplicação da lei penal, conveniência da instrução criminal e outros argumentos.

O Juiz Carlos Alberto Garcete destacou que os fundamentos para a prisão preventiva permanecem presentes, sem fato novo que justifique a liberdade do acusado. Em conformidade com o parágrafo único do art. 316 do Código de Processo Penal, de acordo com a Lei 13.964/2019, a prisão preventiva de Messias Cordeiro da Silva foi mantida.

Messias Cordeiro da Silva está previsto para ser julgado em abril deste ano, via tribunal do júri. Ele foi pronunciado, e a data exata do julgamento ainda será definida. O processo segue em tramitação.

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp.

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no iOS ou Android.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vereador Claudinho Serra
Justiça
Advogado pede reconsideração de liminar para soltura de "Claudinho Serra"
Fachada do TCE-MS
Interior
TCE 'barra' chamamento público de R$ 12 milhões para gerenciamento de saúde em Selvíria
Dinheiro apreendido na operação contra o grupo criminoso -
Interior
Ex-pregoeira presa em Sidrolândia alega ser mãe solteira e pede liberdade
"Playboy da Mansão" Marcel Costa Hernandes Colombo, 31 anos, foi assassinado com tiros de pistola 9mm
Justiça
Após derrotas recursais, 'Jamilzinho' vai a júri pela morte de 'Playboy da Mansão'
O corpo da vítima foi encontrado carbonizado, com algemas nas mãos e marcas de tiros -
Justiça
'Vitinho do Carandiru' é condenado a 10 anos de prisão por homicídio em Campo Grande
Deputada Carla Zambelli (PL)
Justiça
Zambelli é acusada pela PGR por "autoria intelectual" de ataque hacker
Lewandowski prorroga treinamento da Força Penal Nacional em Mossoró
Justiça
Lewandowski prorroga treinamento da Força Penal Nacional em Mossoró
MPMS investiga contrato milionário entre Prefeitura de Ladário e escritório de advocacia
Justiça
MPMS investiga contrato milionário entre Prefeitura de Ladário e escritório de advocacia
mpms compressed
Justiça
MP apura possível crime eleitoral na transferência de títulos de indígenas em Dourados
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Justiça
Portal da Transparência de Naviraí entra na mira do MPMS por irregularidades

Mais Lidas

AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Polícia
AGORA: Capitão do Batalhão de Choque morre na Capital
Piscineiro tem convulsão, cai em piscina e morre afogado
Polícia
Piscineiro tem convulsão, cai em piscina e morre afogado
 Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) -
Justiça
MPMS investiga fraude em concurso da prefeitura de Sonora e recomenda suspensão
Encontrada em posição de cruz, garota de programa teria sido morta por ser 'impura'
Polícia
Encontrada em posição de cruz, garota de programa teria sido morta por ser 'impura'