Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Justiça

MP-GO prepara novas denúncias contra João de Deus

Promotores ouviram mais de 100 mulheres que dizem ter sido vítimas de abusos sexuais

29 dezembro 2018 - 15h20Da Redação com Assessoria

O Ministério Público de Góias pretende oferecer novas denúncias contra o médium João de Deus após ouvir mais de 100 mulheres que dizem ter sido vítimas de abusos sexuais. O órgão já fez a primeira denúncia, contendo quatro vítimas, pelos crimes de estupro de vulnerável e violação sexual. Ele está preso no Núcleo de Custódia e nega todas as acusações.

Além disso, os promotores querem oferecer uma denúncia para tratar das armas encontradas na casa do médium, em Abadiânia. Durante uma busca em endereços ligados a João de Deus, além do armamento, foi encontrado R$ 1,6 milhão em dinheiro, inclusive estrangeiro.

"Há agendamentos a semana que vem e início de janeiro de novas vítimas para prestar depoimentos e, ao mesmo tempo, nós trabalhamos com aqueles casos que já recepcionamos os depoimentos. Em alguns casos muito maduros a intenção é já passar para uma fase de elaboração de denúncias", disse a promotora Gabriella de Queiroz Clementino.

 

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Sob ameaça de greve, TJ decide que escolas devem abrir com parte de efetivo
Justiça
Depois de ofender Reinaldo, internauta é condenado
Justiça
STF derruba foro privilegiado de autoridades estaduais do Maranhão
Justiça
Juíza Jacqueline representa MS em encontro sobre as mulheres
Justiça
Justiça absolve Nelsinho no caso Omep - Seleta
Justiça
Audiência deve "abrir espaço para cobrança mais justa", diz Anoreg
Justiça
TSE arquiva investigação contra Haddad
Justiça
TJ-MS debate nova tabela de emolumentos
Justiça
Temer deve se apresentar a PF nesta quinta-feira
Justiça
OAB/MS quer mais faixas de cobrança nos cartórios

Mais Lidas

Polícia
Ex-marido esfaqueia mulher em boate ao ver localização em rede social
Geral
Vídeo - Após mulher trocar senha do wi-fi, vizinhos apedrajam casa
Polícia
Homem toma arma de policial, troca tiros com outros e morre em telhado de casa
Internacional
Por engano, funcionário serve vinho de 5.100 euros a clientes