Menu
Busca sábado, 20 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

PF faz operação para apurar compra de cartilhas superfaturadas

Até o momento o prejuízo causado aos cofres público do estado estaria estimado em R$ 1.600.577,00

14 fevereiro 2019 - 08h50Rayani Santa Cruz

O Ministério Público Estadual, a Polícia Federal (PF) e a Controladoria-Geral da União (CGU) realizam, nesta quinta-feira (14), a “Operação Aprendiz”, voltada ao cumprimento de 11 mandados de busca e apreensão expedidos pela 4ª Vara Criminal Residual de Campo Grande. A operação investiga empresas ligadas ao ramo gráfico, de publicidade, e residência, todos localizados na capital. As informações constam que algumas das empresas investigadas prestaram serviços para o Governo do Estado.

Participam da operação seis auditores da CGU, 47 policiais federais e dois promotores de Justiça. 
 
A investigação tem como objetivo apurar a aquisição superfaturada de cartilhas educativas pela Secretaria de Estado da Casa Civil, entre os meses de junho de 2015 e agosto de 2016. Até o momento o prejuízo causado aos cofres público do estado estaria estimado em R$ 1.600.577,00.
 
A Operação “Aprendiz” é um desdobramento da Operação “Toque de Midas II”, realizada pela PF e CGU em maio de 2017, onde foram apreendidos documentos que revelaram burla a exigência de licitação, além de superfaturamento e sobrepreço na aquisição de material educativo pelo Governo do Estado. 
 
A análise dos documentos pela CGU revelou, em relação a apenas uma das cartilhas adquirida pela Secretaria de Estado da Casa Civil em junho de 2015, com intermediação de agência de publicidade, um sobrepreço de 992%.
 
As apurações relacionadas a Operação “Aprendiz” seguem sob a responsabilidade da 30ª Promotoria do Patrimônio Público de Campo Grande, com apoio da PF e da CGU.

 

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ministério da Informação no Afeganistão sofre ataque
Polícia
Mulher é assaltada e estuprada em Dourados
Polícia
Ex-nomeado da Segov é investigado por usar telefone em presídio
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Polícia
De "braços abertos", indígena é atropelada em rodovia
Polícia
Bandidos fingem ser clientes e trabalhadores são feitos reféns
Polícia
PMA multa mulher por colocar fogo em vegetação
Polícia
Jovem tem bicicleta furtada em estacionamento de supermercado
Polícia
Homem morre após se afogar em piscina

Mais Lidas

Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Polícia
Homem tem mãos decepadas, na fronteira
Polícia
Ex-radialista é morta com 24 facadas pelo sobrinho
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária