Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS setembro20
Polícia

TJ nega prisão domiciliar a Jamil

O pedido foi negado pelo desembargador, Ruy Celso Florence

01 novembro 2019 - 20h50Da redação

O desembargador, Ruy Celso Florence, da segunda câmara criminal do Tribunal de Justiça, acaba de negar prisão domiciliar ao empresário Jamil Name (80), acusado de chefiar o maior grupo de milícia do Estado . Tido como garantista e liberal em pedidos desse tipo, Ruy derrubou os argumentos da defesa. Na questão de saúde, Florence pediu informações sobre o estado de Name no presídio federal de Mossoró.

Já o segundo argumento, que Jamil precisa ir para casa para “cuidar dos netos “, foi desconsiderado pelo magistrado, pois o neto de Name está próximos  dos doze anos , idade limite para esse tipo de solicitação.

O desembargador alegou também na negativa, que a avó também tem a guarda do neto. Com isso Jamil, segue em Mossoró .

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Queda de árvore queimada em rodovia causa acidente que deixa 12 mortos
Polícia
Imagens fortes: Assaltantes de banco morrem em troca de tiros com a polícia
Polícia
Em nota, polícia diz que prefeito de Rio Verde “não estava” bêbado
Polícia
Guarda civil realiza fiscalização nas 7 regiões da capital
Polícia
Vídeo: Guarda acaba com aglomeração em bairro nobre da capital
Polícia
Município de Grande Dourados tem conexão com tráfico para o Brasil
Polícia
Funcionária pública é acusada de violência contra criança
Polícia
PMA de Três Lagoas multa infrator de incêndio em R$ 1.000,00
Polícia
Vídeo - Armado, prefeito de Rio Verde bate boca com manifestantes
Oportunidade
PMA de Amambai autua infrator em R$ 5,5 mil por desmatamento ilegal

Mais Lidas

Geral
MS aumenta rigor e autuações contra queimadas já superam ano de 2019
Polícia
Queda de árvore queimada em rodovia causa acidente que deixa 12 mortos
Clima
Chuva foi pequena, mas ocorreu em 21 municípios de MS
Vídeos
AO VIVO: Acompanhe a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS