Menu
Menu
Busca terça, 28 de maio de 2024
Secovi
Política

2ª discussão: deputados aprovam proibição de telemarketing automatizado

Outras três matérias foram aprovadas durante sessão desta quinta-feira (18)

18 abril 2024 - 15h26Brenda Leitte, com ALEMS

Durante a sessão ordinária da ALEMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) desta quinta-feira (18), os deputados apreciaram e aprovaram quatro matérias, três delas em 2ª discussão.

O Projeto de Lei 307/2023, de autoria do deputado Pedrossian Neto (PSD), que proíbe ações de telemarketing via ligação telefônica realizada por robôs, bots ou qualquer programa de software que execute tarefas automatizadas, repetitivas e pré-definidas no Estado de Mato Grosso do Sul, volta para sua última análise em plenário, em redação final.

Duas propostas de autoria do deputado Junior Mochi (MDB) foram apreciadas em 2ª discussão. Ambas seguem à sanção. O Projeto de Lei 273/2023, que visa instituir ao município de Nioaque o cognome de Vale dos Dinossauros. E o Projeto de Lei 30/2024, que institui o Dia da Defensora e do Defensor Público no Estado, a ser comemorado, anualmente, no dia 19 de maio. 

Primeira discussão

Apreciado em 1ª discussão, o Projeto de Lei 63/2024 foi aprovado e volta ao plenário para nova análise, em 2ª discussão. De autoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MS), a proposta revoga o artigo 7º da Lei 4.853, de 27 de abril de 2016, e acrescenta os artigos 19-D e 19-E na Lei 3.877, de 31 de março de 2010, que dispõe sobre a consolidação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Quadro de Pessoal do TCE-MS.

Moção

Durante votação de moção de aplauso, apresentada pelo deputado Zeca do PT (PT) dirigida ao excelentíssimo Senhor Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, com cópias, ao ministro das Cidades, Sr. Jader Barbalho Filho, bem como, ao secretário Nacional da Habitação, Ailton Madureira de Almeida. A moção contempla o Estado de Mato Grosso do Sul com 2.336 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, para as modalidades Rural e Entidades.

A moção foi aprovada com votação favorável do presidente Gerson Claro, que completou. “Peço licença para votar nessa Moção de Aplauso, e voto sim também, mantendo o espírito democrático e republicano nesta Casa de Leis”, concluiu o presidente da ALEMS, Gerson Claro.

 

JD1 No Celular

Acompanhe em tempo real todas as notícias do Portal, clique aqui e acesse o canal do JD1 Notícias no WhatsApp. Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 no IOS ou Android.

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Centro de Triagem e Encaminhamento do Migrante e População de Rua
Política
Vereadores votam projeto de proteção aos migrantes e refugiados da Capital
Foto: Álvaro Rezende
Política
Deputados votam PL da aposentadoria, assistência médico-social e auxílio de servidores
Campo Grande é premiada por investimentos em saneamento básico
Política
Campo Grande é premiada por investimentos em saneamento básico
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande -
Justiça
TJ manda empossar suplente filiado ao PSDB
Deputado federal Beto Pereira
Política
Deputado quer direcionar "dinheiro esquecido" ao RS
Imagem da urna eleitoral eletrônica /
Política
Servidora pública de Douradina é condenada por propaganda eleitoral antecipada
Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Ministro recebe título de cidadão de MS
Política
Ministro do STF e do TSE recebe título de cidadão sul-mato-grossense
Supremo Tribunal Federal
Justiça
STF analisa transparência na intervenção federal no Rio em 2018
TRE-MS desaprova contas do PSOL/MS e exige devolução de R$ 23 mil
Justiça
TRE-MS desaprova contas do PSOL/MS e exige devolução de R$ 23 mil

Mais Lidas

Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Vítima morreu ainda no local
Polícia
Homem é morto a tiros após jogar salgado em dono de lanchonete
Campo Grande amanhece encoberta de névoa
Clima
Campo Grande amanhece com neblina e frio ganha novo aliado nesta segunda
Delegadas Elaine Benicasa e Analu Lacerda deram detalhes sobre o crime de Amalha Mariano
Polícia
Nova versão: Caminhoneiro matou corretora após discussão em caso extraconjugal