Menu
Menu
Busca segunda, 27 de maio de 2024
Secovi
Política

Bolsonaro quebra silêncio e discursa no jardim do Palácio da Alvorada

Última vez que ele conversou com a imprensa foi no dia 1º de novembro

09 dezembro 2022 - 17h27Pedro Molina     atualizado em 09/12/2022 às 17h27

O presidente Jair Bolsonaro (PL) quebrou o seu silêncio de quase 40 dias na tarde desta sexta-feira (9) e discursou para seus apoiadores no jardim do Palácio da Alvorada, rompendo com a sua quase tradição de falar com eles no “cercadinho”.

Durante o discurso, o presidente reafirmou seu compromisso com seus apoiadores e manteve o tom já utilizado antes das eleições.

"A missão de cada um de nós aqui não é criticar, é unir. Muitas vezes vocês têm informações que não procedem, e pelo cansaço, pela angústia, pelo momento, passam a criticar. Tenho certeza entre as minhas funções garantidas na Constituição, é ser o chefe supremo das Forças Armadas", disse Bolsonaro a seus apoiadores.

O presidente também voltou a citar uma suposta ameaça “socialista”, e disse que as Forças Armadas são uma das últimas barreiras para a chegada dela no país.

“As Forças Armadas são essenciais em qualquer país do mundo. Sempre disse, ao longo desses 4 anos, que as Forças Armadas são o último obstáculo para o socialismo. As Forças Armadas, tenho certeza, estão unidas. As Forças Armadas devem, assim como eu, lealdade ao nosso povo, respeito à Constituição, e são um dos grandes responsáveis pela nossa liberdade”, comentou.

“Quem decide o meu futuro, por onde eu vou, são vocês. Quem decide para onde vão as Forças Armadas, são vocês. Quem decide para onde vai a Câmara e o Senado, são vocês também”, destacou.

O presidente afirmou que foi até o gramado porque “deve lealdade ao povo brasileiro”, e se justificou sobre o seu silêncio dizendo que não falou porque “tudo seria deturbado”.

"Eu me responsabilizo pelos meus erros, mas peço a vocês, não critiquem sem ter certeza absoluta do que está acontecendo. Obviamente, não estou aqui quebrando o silêncio. Estou falando algo que sempre disse a todos vocês. Alguns falam do meu silêncio, há poucas semanas, se eu saísse aqui e desse 'bom dia', tudo seria deturpado, tudo seria distorcido", explicou.

A última vez que Bolsonaro falou diante da imprensa foi no dia 1º de novembro, também no Palácio da Alvorada, onde anunciou o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP), como o líder da transição do governo.

 

JD1 No Celular

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Ministro recebe título de cidadão de MS
Política
Ministro do STF e do TSE recebe título de cidadão sul-mato-grossense
Supremo Tribunal Federal
Justiça
STF analisa transparência na intervenção federal no Rio em 2018
TRE-MS desaprova contas do PSOL/MS e exige devolução de R$ 23 mil
Justiça
TRE-MS desaprova contas do PSOL/MS e exige devolução de R$ 23 mil
Rose Modesto deverá apresentar modelo de Plano de Governo
Política
Rose lança pré-candidatura nesta sexta
Sede do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul - TCE/MS
Justiça
TCE-MS orienta gestores sobre condutas vedadas em ano eleitoral
Posse de Livio é suspensa e Gian Sandim deve assumir
Política
Posse de Livio é suspensa e Gian Sandim deve assumir
Centro recebe o Café com os Conselheiros Regionais neste sábado
Política
Centro recebe o Café com os Conselheiros Regionais neste sábado
Deputados decidem sobre plano de assistência médico-social para delegados de MS
Política
Deputados decidem sobre plano de assistência médico-social para delegados de MS
Vereadores analisam projeto para proteção de migrantes na Capital
Política
Vereadores analisam projeto para proteção de migrantes na Capital

Mais Lidas

Presídio de Segurança Máxima, em Campo Grande
Polícia
Mulher é detida após tentar entregar celular para irmão no Presídio da Máxima
'É grosso?' Ney Matogrosso posta nudes nas redes sociais
Brasil
'É grosso?' Ney Matogrosso posta nudes nas redes sociais
Amalha trabalhava como corretora de imóveis
Polícia
Corretora foi morta a pauladas por 'amigo' após não entrar em esquema de golpe
Folga menstrual
Comportamento
AGEMS institui folga menstrual que será projeto piloto no governo estadual