Menu
Busca sábado, 28 de janeiro de 2023
(67) 99647-9098
Governo - Dengue Jan22
Política

Câmara Municipal vota sobre qualificação da atenção pré-natal na Capital

Outros dez projetos completam a pauta do dia de votação dos vereadores

01 dezembro 2022 - 09h35Sarah Chaves

Na sessão desta quinta-feira (1°) a Câmara Municipal de Campo Grande vota 11 projetos de lei, entre eles o que institui o programa Mãe Campo Grande, que tem por objetivo ampliar e qualificar a atenção ao pré-natal, parto e puerpério à gestante e ao recém-nascido na Capital.

A medida será instaurada prioritariamente, com a rede de atenção à saúde municipal, especialmente nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) com e sem Saúde da Família e com as secretarias municipais. Sessão tem transmissão ao vivo nas redes sociais da Câmara, no Facebook e Youtube.

Seis propostas serão votadas em primeira discussão. Entre elas, o Projeto de Lei 10.528/22, do vereador Dr. Sandro, que institui o Programa de Reabilitação Covid-19 em Campo Grande. O objetivo é auxiliar na reabilitação das pessoas acometidas pela doença, especialmente daquelas que saíram da UTI por conta da COVID-19 e ainda precisam de orientação e cuidados especiais. 

Outro projeto do vereador Dr. Sandro Benites que será votado é o que institui a "Semana Municipal de Conscientização sobre a Esquizofrenia", com uma série de ações para levar informações sobre a doença na semana do dia 24 de maio.

Será votado ainda o Projeto de Lei 10.525/22, que inclui no calendário oficial de eventos e de programações do Município de Campo Grande, a Virada da Leitura, a ser realizada anualmente, no segundo final de semana de abril. A proposta é do vereador Ronilço Guerreiro.

Ainda falando de calendário, será votado o Projeto de Lei 10.506/21 dos vereadores Dr. Victor Rocha e Junior Coringa, que institui o Dia Municipal do Rock em Campo Grande, a ser celebrado no dia 13 de julho de cada ano. 

Ainda em primeira discussão, os vereadores votam o Projeto de Lei 10.437/21, que dispõe sobre o programa de capacitação de cuidadores de pessoas com Transtorno de Espectro Autista (TEA) no Município. 

Em segunda discussão, serão cinco proposições apreciadas. Será votado o Projeto de Lei 10.701/22, que institui a campanha de conscientização e informação sobre o transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH), em Campo Grande. A proposta é dos vereadores Otávio Trad e Ayrton Araújo. 

Também será votado o Projeto de Lei 10.629/22, do vereador Prof. João Rocha, que dispõe sobre a inclusão da categoria "atletas com deficiência" e sua isenção na taxa de inscrição nas corridas de rua realizadas em Campo Grande.

Os vereadores votam ainda o Projeto de Lei 10.747/22, do vereador Dr. Sandro Benites, que institui o Dia Municipal do Médico Ortopedista, em Campo Grande. O Projeto de Lei 10.763/22, que institui o Programa "Direito na Escola", a ser oferecido, preferencialmente, em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS).

Por fim, os vereadores votam em segunda discussão o Projeto de Lei 10.663/22, que modifica o nome da Escola Municipal Harry Amorim Costa, que passa a ter o nome de Escola Municipal Cívico-Militar Governador Harry Amorim Costa. A proposta é dos vereadores Coronel Alirio Villasanti e Gilmar da Cruz.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Governadores vão cobrar de Lula a compensação por perdas com ICMS
Política
Dino afirma que Esplanada será fechada durante a posse dos senadores e deputados
Política
PGR denuncia Carla Zambelli por porte ilegal de arma
Política
MPTCU pede investigação de quem utilizou indevidamente cartão presidencial
Política
Deputada exige que Bolsonaro devolva mais de R$ 182 mil gastos com motociatas
Política
Deputados se preparam para tomar posse e definir Mesa Diretora
Política
PP tem tarde de adesões
Política
Lula parte para primeira viagem internacional neste domingo
Política
Social marca início do governo Riedel
Política
TSE defere candidatura do Promotor Harfouche

Mais Lidas

Brasil
Anitta vira assunto ao ter cenas íntimas vazadas na internet; assista
Polícia
Criança morta com bexiga tinha 7 meses e brincava na sala de casa
Polícia
Mãe ficou 'tranquila' com filha morta em UPA; criança já tinha ido 30 vezes ao hospital
Geral
JD1TV: Policial agride advogada dentro de delegacia da Capital