Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
(67) 99647-9098
aguas guariroba - Águas em Ação 3
Política

Delcídio pede a Ideli liberação de restos a pagar de MS

01 dezembro 2011 - 13h14Arquivo

O senador Delcídio do Amaral (PT/MS) foi recebido em audiência no Palácio do Planalto, pela ministra da Coordenação Política, Ideli Salvatti, a quem pediu o empenho da Presidência da República para que sejam liberados, até o final deste mês, todos os recursos inscritos nos chamados "restos a pagar", relativos aos anos de 2008 e 2009, devidos a vários municipios sul-mato-grossenses.

"Saio muito otimista desse encontro porque a ministra assumiu comigo o compromisso de priorizar a liberação dos restos a pagar, até porque recebemos esta semana a visita de muitos prefeitos preocupados com a falta de verba para que as obras em andamento sejam concluídas. Falamos também do dinheiro que vai sair via Caixa Econômica Federal . Como no total o montante é pequeno, espero que ao longo da próxima semana venhamos a atender várias cidades sul-mato-grossenses", acredita o senador.

Um dos prefeitos que procurou Delcídio para receber verbas já garantidas através de emenda parlamentar mas ainda não liberadas pelo governo federal, foi o de Rio Verde, William Brito.

"Temos algumas emendas de 2009 das quais falta o financeiro e a interveniência de Delcídio junto ao governo é fundamental para que recebamos o mais rápido possível o dinheiro. Pedimos também que ele nos auxilie junte ao Ministério dos Transportes para que o DNIT construa uma passagem urbana na BR 163. O atual trevo de acesso a Rio Verde é muito mal elaborado e os moradores da cidade correm riscos constantes quando têm de atravessar a rodovia", explicou o prefeito.

A prefeita Marta Araújo também conta com recursos federais para investir na infraestrutura de Eldorado.

"Pedimos ao senador o empenho de uma emenda no valor de R$ 700 mil para que a gente possa fazer o asfalto no bairro Jardim Nova Eldorado", contou

Naviraí

Acompanhado pelo prefeito de Naviraí, Zelmo de Brida, Delcídio foi até o Ministério da Fazenda, onde se reuniu com o Secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin. Na pauta, a renegociação da dívida do município.

"Naviraí tem várias dívidas que criam dificuldades de caixa. A estratégia é reduzir a taxa de juros dos empréstimos. O Tesouro ficou de fazer algumas simulações buscando alternativas de pagamento através de novos financiamentos com taxas de juros menores e prazo maior, para dar fôlego a prefeitura", explicou o senador.

Teia - Agronomia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Ponta Grossa é a única cidade do Brasil a ter duas mulheres disputando o 2º turno
Política
Marquinhos anuncia 45 obras e prevê gastos de R$ 1,3 bilhão
Política
TRE-MS conquista pela primeira vez selo diamante do Conselho Nacional de Justiça
Política
Cinco cidades do Estado adquirem “Castramóvel”
Política
Bolsonaro estima que país possa encerrar 2020 com mais empregos do que em 2019
Política
Projeto pretende criar de canal para denúncias de maus-tratos de animais
Política
E-Título só estará disponível para baixar até as 23h59 de sábado
Política
Governador decreta luto de três dias em razão do falecimento de Roberto Orro
Política
TRE-MS anula votos dados a Harfouche e aumenta vantagem de Marquinhos
Política
Ex-vereador morre depois de ser picado por uma cobra em MS

Mais Lidas

Polícia
Mulher é sequestrada ao descer de ônibus na capital
Brasil
Paciente com quase 300 kg que aguardou cinco dias por vaga na UTI morre em Natal
Polícia
Foram presos 39 homens durante operação na fronteira
Geral
Reinaldo inaugura indústria com 300 empregos e entrega escola em Caarapó