Menu
Menu
Busca quinta, 29 de fevereiro de 2024
Política

Deputados democratas protestam sentados por legislação sobre venda de armas

23 junho 2016 - 10h35Agência Brasil

Cerca de 20 deputados democratas permanecem sentados hoje (23) no chão do plenário da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos há pelo menos 18 horas, em protesto para que os líderes republicanos aceitem colocar em votação propostas para alterar a legislação sobre o controle de armas.

Deputados e senadores favoráveis a uma revisão da legislação atual tentam aprovar projetos com regras mais rigorosas para a venda de armas no país, motivados pela repercussão do massacre na boate Pulse em Orlando, quando um homem armado abriu fogo contra os frequentadores do local, no dia 12 de junho, e deixou 49 mortos e 53 feridos.

A manifestação dos democratas teve início no começo da noite desta quarta-feira (22), depois que republicanos não quiseram avançar na apreciação de propostas que alteram as legislações sobre compra e porte de armas. O presidente da Câmara, Paul Ryan, disse que estava aguardando para ver como o Senado se posicionaria, antes de discutir o assunto.

Durante o protesto, os deputados entoaram em alguns momentos a frase: “Sem lei, sem pausa”. A líder da minoria, a democrata Nancy Pelosi, disse que os parlamentares estavam preparados para permanecer sentados ainda por muito tempo: “O tempo necessário para conseguir que o projeto seja votado”, afirmou.

Na semana passada, os senadores democratas conseguiram fazer com que quatro propostas para controle de armas fossem apreciadas, após obstruírem a pauta. Entretanto, na segunda-feira (21), a comissão que receberia os projetos acabou por rejeitá-los. Para que o projeto entrasse na pauta do Senado, eram necessários 60, mas o mais votado recebeu apenas 53.

A ação dos deputados democratas está sendo criticadas pela maioria republicana, e o líder Paul Ryan chamou a manifestação de “golpe publicitário”. Mas em 2008, quando a maioria era democrata, deputados republicanos também usaram o mesmo tipo de obstrução e se sentaram no chão para exigir uma votação sobre a permissão de perfurações marítimas.

A população aprovou a atitude dos deputados e durante a noite alguns eleitores mandaram entregar pizza para os congressistas em protesto.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Proibição da pesca do Dourado é aprovada por deputados e segue para sanção
Política
Vereadores devem votar cinco propostas na sessão desta quinta-feira
Política
TSE autoriza shows para arrecadação de recursos nas eleições de 2024
Política
Comissão do Senado aprova validade permanente para diagnósticos de autismo
Política
Amambai terá regional da Polícia Civil
Política
Lira quer votar PL das Fake News ainda no primeiro semestre deste ano
Política
Comissão especial da Câmara aprova PEC que diminui impostos de igrejas
Política
TSE veta deep fake e amplia deveres das redes sociais nas eleições de 2024
Política
Gleisi Hoffmann apoia Camila na capital e Tiago Botelho em Dourados
Política
Deputados votam PL sobre encaminhamentos do Samu para hospital particular

Mais Lidas

Vídeos
Vídeo: Travesti bate em jovem e tribunal a pune
Justiça
Ex-secretários de saúde de Glória de Dourados são condenados pelo TCE-MS
Polícia
Bêbadas, mulheres dizem ter sido abandonadas pela PM na BR-163 após suposta abordagem
Geral
Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km