Menu
Busca sexta, 22 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Política

Morre em Campo Grande o ex-deputado federal Nelson Trad

08 dezembro 2011 - 10h17Arquivo

Morreu na noite de quarta-feira (7) em Campo Grande, aos 81 anos, o ex-deputado federal Nelson Trad. Ele estava internado no Proncor.

O velório está sendo realizado no Cemitério Parque das Primaveras, desde as 3 horas. O município decreta ainda, a partir desta quinta-feira (8), luto oficial de três dias, de acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura.

Nelson Trad estava com a saúde fragilizada. Recentemente, com um diagnóstico de obstrução de artérias, ele teve implantado dois stents para reforçar o bombeamento do sangue.

Trad apresentava problemas cardíacos desde 1983, quando operou e passou a fazer revascularizações frequentes. No ano passado, ele implantou um marcapasso.

Nelson Trad era pai do deputado federal Fábio Trad (PMDB-MS), do prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB-MS), e do deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB-MS).

Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Acesso livre à internet em órgãos públicos municipais agora é lei
Política
Bolsonaro diz ter “total confiança” em Guedes e afirma que o ministro irá continuar
Política
Saúde e segurança da Capital prontos para possível vendaval
Política
Pesquisa mostra intenção de votos e rejeição para eleição suplementar em Bandeirantes
Política
Simone e Fábio recebem prêmio em Brasília
Política
Quebra do teto de gastos faz equipe de Paulo Guedes se demitir
Política
Projeto destina 10% de vagas no Sine para mulher vítima de violência
Política
Ministro anuncia novo Bolsa Família de R$ 400 a partir do próximo mês
Política
Veja a lista dos indiciados pela CPI da Pandemia
Política
MS terá CNH social

Mais Lidas

Polícia
Homem pula o muro e flagra a ex-mulher com outro e transtornado agride ela e tranca os dois
Brasil
Vídeo: Homem se desespera ao ver que racha com os amigos acabou em morte
Geral
Com oito filhos, mãe anuncia gravidez de gêmeos e dispara: 'queremos mais'
Geral
Pastor embolsa R$ 30 milhões da Igreja Universal e foge