Menu
Menu
Busca sexta, 01 de março de 2024
Política

MPF pede indiciamento de Waldir Maranhão e reforça suspeitas contra Bernal

06 julho 2016 - 15h24da Redação

O jornal Folha de S. Paulo informou nesta quarta-feira (6) que o presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA) era ‘lobista’ em um esquema suspeito de ter fraudado fundos de previdência de servidores de prefeituras, dentre elas, Campo Grande. Além dele, outros três deputados federais são acusados.

A Procuradoria Geral da República (PGR) verificou as irregularidades após análise de telefones interceptados pela Polícia Federal, e enviou em maio petição ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar Maranhão. Na petição, a PGR afirmou que os parlamentares eram responsáveis pelo “agenciamento de prefeitos para que estes se encontrassem” com um doleiro de Brasília, Fayed Antoine Traboulsi. Em uma auditoria realizada, foram encontradas fraudes em negócios fechados com os institutos de Campo Grande (MS) e Aparecida de Goiânia (GO), “cujos prefeitos foram levados ao encontro de Fayed por intermédio de Waldir Maranhão”.

Segundo a Folha de S. Paulo, “os grupos tinham a tarefa de convencer os prefeitos e os fundos de previdência dos servidores a investirem em papéis podres, ou seja, de valor superestimado, que logo mais gerariam prejuízo aos fundos. Em troca, os agentes públicos recebiam ‘vantagens indevidas’”.

Campo Grande

Conforme já noticiado pelo JD1 Notícias, no dia 23 de junho a prefeitura foi denunciada por desvio de verbas da previdência no valor aproximado de R$ 110 milhões. A denúncia foi feita pelo deputado estadual Coronel David no Ministério Público Estadual (MPE), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Câmara Municipal.

Já na última quarta (29), em uma edição extra do Diário Oficial de Campo Grande, a Prefeitura afirmou que não desviou dinheiro da Previdência. A nota de esclarecimento avisa servidores públicos, aposentados e pensionistas que não houve desvio e, “sim, a utilização de tais verbas para o pagamento de benefícios previdenciários”.

A nota foi rebatida pelo deputado, que disse acreditar ser outra tentativa de ludibriar a população. “Mais uma vez estão buscando uma mentira para encobrir o rombo. Mais uma vez a prefeitura tenta enganar a população”, afirmou.

Na tribuna da Assembleia na manhã de hoje, Coronel David informou que procurador-geral de Justiça, Paulo Passos, determinou a abertura de inquérito para apurar suposto rombo nas contas da previdência municipal.

“Não é mais o deputado Coronel David quem está denunciando. A Procuradoria-Geral da República enviou ao Supremo Tribunal Federal uma petição contendo indícios e nomes de envolvidos nos caso de fraudess contra a previdência. Era feito o agenciamento de prefeitos e, segundo interceptações telefônicas, alguns estiveram pessoalmente com o doleiro Fayed Antoine Traboulsi. O órgão apontou irregularidades no Instituto de Previdência de Campo Grande”, disse o parlamentar.

Ele ainda leu a nota de explicação do atual presidente do IMPCG, Ricardo Ballock, afirmando que R$ 17 milhões no fundo de previdência estariam em aplicações financeiras. Para o parlamentar, o prefeito e o presidente “são mentirosos”.

Um áudio entre Waldir Maranhão e o doleiro Fayed Traboulsi mostra que o prefeito Alcides Bernal estava "tricotando' com a quadrilha:

 

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
"Bonitinha, mas ordinária", jornal do RS ataca Camila Jara e revolta PT-MS
Política
JD1TV: TRE faz recontagem e confirma Duarte na Assembleia
Política
JD1TV: Vereador pede saída de presidente da Câmara após denúncias de corrupção em Terenos
Política
Recontagem de votos no TRE será amanhã às 13h30
Política
Parlamentares bolsonaristas são barrados em comício na Av. Paulista
Política
Vereadores mantêm veto sobre a instalação de telas de proteção em viadutos da Capital
Política
Proibição da pesca do Dourado é aprovada por deputados e segue para sanção
Política
Vereadores devem votar cinco propostas na sessão desta quinta-feira
Política
TSE autoriza shows para arrecadação de recursos nas eleições de 2024
Política
Comissão do Senado aprova validade permanente para diagnósticos de autismo

Mais Lidas

Geral
Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km
Polícia
JD1TV AGORA: Rapaz é assassinado com vários tiros no Aero Rancho
Polícia
Polícia 'estoura' galpão cheio de contrabando na Guaicurus, em Campo Grande
Polícia
Bêbadas, mulheres dizem ter sido abandonadas pela PM na BR-163 após suposta abordagem