Menu
Busca quinta, 29 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Senai - EAD_senai_tecnico
Política

Projeto de Barbosinha obriga empresas a identificar funcionários

A proposta é válida para prestadoras de serviços que atendem casas ou sedes

12 fevereiro 2019 - 15h34Mauro Silva com assessoria

Projeto de lei que obriga as empresas prestadoras de serviços a informarem aos clientes dados dos funcionários que executarão serviços em residências ou sedes foi apresentado nesta terça-feira (12) pelo deputado, José Carlos Barbosa, o Barbosinha.

De acordo com o projeto do deputado, a proposta é eleva mais segurança para quem contrata os serviços. “Atualmente é comum o cometimento de ilícitos por pessoas se passando por representantes de empresas prestadoras de serviços, os criminosos utilizam até uniformes e logomarcas das empresas para conseguirem acesso à residência dos consumidores”, justificou Barbosinha.

O parlamentar também alega que os consumidores são vítimas de roubos, golpes e outros delitos que resultam em agressões e até mortes.

Conforme o projeto, as empresas prestadoras de serviços, quando acionadas para realizar qualquer reparo ou prestação de serviço nas residências ou sedes, ficam obrigadas a enviar mensagem informando, no mínimo, o nome, número do documento de identidade da pessoa que irá realizar o serviço solicitado , acompanhados de fotos, sempre que possível.

Os focos principais da lei são as empresas de telefonia e internet; de televisão a cabo, satélite, digital e afins, especializadas em reparos elétricos e eletrônicos, autorizadas de aparelhos de utilidades domésticas, concessionárias de energia elétrica, fornecedoras de gás encanado para fins residências e de seguro.

Melhorias

O deputado disse ainda que a medida também trará melhorias aos serviços. “Este projeto também contribui para uma melhor qualidade na prestação do serviço, ao passo que, identificando o prestador do serviço é mais fácil para a empresa e para os órgãos de defesa do consumidor cobrarem soluções para o atendimento de determinada demanda”, finalizou.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Projeto de lei quer instituir Semana do Agronegócio nas escolas
Política
Bolsonaro adianta decisão sobre qual partido se filiará para disputar reeleição
Política
Reforma tributária será votada após recesso
Política
PEC do Voto Impresso será uma das prioridades após recesso parlamentar
Política
Mãe de ministro da Casa Civil assume lugar do filho
Política
Flávio Bolsonaro vai ser suplente da CPI da Pandemia
Política
Azambuja visita projeto que vai levar energia solar a famílias no Pantanal
Educação
"Parar de contar mortos, e contar alunos voltando" dispara Riedel 
Política
Ciro Nogueira aceita convite de Bolsonaro e será o novo ministro da Casa Civil
Política
“Atrapalha, mas tem que aturar”, diz Bolsonaro sobre Mourão

Mais Lidas

Geral
Vídeo: 'Rapidinha' na cozinha da errado e casal é flagrado só no love
Geral
Com Covid, Arlindo Namour morre no Proncor
Internacional
Vídeo: jovem tenta gravar dança em guindaste, mas despenca e morre
Polícia
Investigação concluí que enfermeiro do HR estuprou paciente em fevereiro